<
>

Salário e questões familiares empacam negociação de Yaya Touré com Botafogo

play
Vale a pena contratar Yaya Touré? Comentaristas analisam possível chegada do marfinense ao Botafogo (2:49)

Ex-meia do Manchester City e Barcelona é cotado para reforçar o Glorioso (2:49)

Depois de criar uma onda de otimismo na torcida com a chegada do japonês Keisuke Honda, o Botafogo pretende contratar o marfinense Yaya Touré. A negociação já esteve muito perto de ser finalizada, mas alguns detalhes contratuais separaram os dois.

Hoje, o otimismo em relação às conversas com o ex-Barcelona e Manchester City já não é mais o mesmo - mas o clube não desiste.

O volante, que completa 37 anos em maio, gostou do salário inicial proposto pelo Glorioso, mas pediu um aumento proporcional por conta dos altos impostos do Brasil. De acordo com o UOL Esporte, o clube fez uma nova proposta, melhor que a inicial, e está aguardando resposta.

Além disso, segundo com a Rádio Brasil, o time carioca tem de lidar com um entrave pessoal do jogador. Seus filhos estão estudando em Londres, na Inglaterra, e sua esposa esperava seguir morando por lá.

No domingo, Ricardo Rotemberg, vice presidente de comercial e marketing do clube, falou sobre as idas e vindas: "Jogador já fez contato. Mas voltou a negociar as condições. Vamos ver". Quando foi questionado por um torcedor, também respondeu: "Cada um defende seu interesse. Um jogador acostumado a ganhar uma fortuna. Não vamos desistir. Também não vamos fazer loucuras."

Yaya Touré iniciou a carreira profissional no Beveren, da Bélgica, em 2001, e alcançou o auge entre os anos de 2007 e 2018, com passagens pelo Barcelona e Manchester City. Pela seleção da Costa do Marfim, disputou as copas de 2006, 2010 e 2014, esta última realizada no Brasil.

No clube espanhol, conquistou dois títulos nacionais, uma Champions League e um Mundial de Clubes. Já no City, foi tricampeão inglês.

A diretoria do Botafogo ainda não jogou a toalha e segue trabalhando para contar com o jogador. Enquanto isso, o técnico Paulo Autuori segue preparando a equipe para a estreia na Taça Rio, segundo turno do Estadual, diante do Boavista, no próximo domingo, às 19 horas (de Brasília), no Engenhão.