<
>

Ex-técnico do Liverpool, hoje do Leicester, Brendan Rodgers pode tirar o vice do Manchester City em 19/20 e o título em 13/14

Os 22 pontos de distância do Liverpool para o segundo colocado da tabela da Premier League já parecem ‘excluir’ o time de Klopp de qualquer jogo realmente decisivo no restante da temporada inglesa, que ainda tem 12 rodadas pendentes.

Desta forma, a atenção cai para a disputa pelo vice, e nesse cenário, o jogo deste sábado (22), entre Leicester x Manchester City, parece o mais importante da rodada – e olha que um Chelsea x Tottenham acontece no mesmo dia. Inclusive, a ESPN Brasil e o WatchESPN transmitem ambos os jogos ao vivo. O clássico londrino às 9h15, e a briga pela vice-liderança às 14h15.

Quatro pontos atrás do vice-líder City, o Leicester tem no confronto uma nova oportunidade de voltar à posição que ocupava a algumas rodadas, o que pode coroar uma das melhores temporadas da história da equipe, junto com a de 2015/16.

Naquela oportunidade, Cláudio Ranieri comandou o time ao título inglês. Mas há quem diga que o elenco atual dos Foxes joga melhor que aquele, e um fator importante disso é Brendan Rodgers.

O treinador chegou ao Leicester após demissão de Claude Puel na última temporada, conquistando cinco vitórias, dois empates e três derrotas. Antes disso, o norte-irlandês estava na Escócia, onde foi campeão nacional duas vezes seguidas com o Celtic. Mas onde queremos chegar é ainda antes dessa passagem.

Rodgers x Manchester City

Não é a primeira vez que Rodgers disputa ponto a ponto uma posição na tabela com o Manchester City.

Na temporada da Premier League de 2013/14, o Liverpool lutou até a última rodada para passar o time de Manuel Pellegrini e conquistar título inglês. Mas não teve jeito. Mesmo batendo o Newcastle no último jogo, os Reds terminaram em segundo, com dois pontos a menos que o campeão.

Brendan Rodgers era o comandante daquela equipe e, graças à boa temporada, ficou ainda mais forte no comando, tanto que seu capitão na época, Steven Gerrard, chegou a dizer que “no trabalho de um contra um, ele é o melhor que já conheci”.

Seis anos mais tarde, quando o Liverpool já tem uma mão na taça, o torcedor dos Reds volta a sonhar com o título de 2013/14. Afinal, o Manchester City foi punido pela Uefa por falta de Fair Play Financeiro, na última semana, e alguns jornais britânicos começaram a discutir a possibilidade de punição também pela English Football League (EFL), entidade que comanda o futebol inglês.

Ou seja, o City poderia perder alguns pontos daquela temporada, o que mudaria o título de mãos, e Rodgers poderia se tornar o primeiro técnico a ser campeão com o Liverpool na era moderna da Premier League, antes de seu sucessor no cargo, Jurgen Klopp.