<
>

Atlético-MG tem começo fulminante, vence o Unión Santa Fé, mas é eliminado na 1ª fase da Sul-Americana

A torcida acreditou, mas o Atlético-MG está eliminado da Copa Sul-Americana.

Nesta quinta-feira, jogando no Independência, o Atlético-MG teve um começo fulminante e venceu o Unión Santa Fé por 2 a 0. Porém, como perdeu por 3 a 0 na Argentina, acabou dando adeus logo na primeira fase na competição continental.

O pênalti perdido na Argentina no duelo de ida acabou custando caro para o Atlético.

A eliminação aumenta a pressão no técnico Rafael Dudamel.

Agora são duas vitórias, duas derrotas e três empates nos últimos sete jogos da temporada 2020.


Ficha técnica

Atlético-MG 2 x 0 Unión Santa Fé

GOLS: Atlético-MG: Otero e Hyoran

ATLÉTICO-MG: Michael; Guga (Ricardo Oliveira), Réver (Maidana), Igor Rabello, Gabriel e Guilherme Arana; Nathan, Jair, Hyoran, Claudio e Otero (Marquinhos), Di Santo. Técnico: Rafael Dudamel.

SANTA FÉ: Moyano; Bottinelli, Calderon, Blasi e Corvalan; Carabajal (Troyansky), Mendes e Elias; Bou (Mazzola), Cabrera e Milo (Bonifacio). Técnico: Leonardo Madelon.


Galo sai na frente com golaço de Otero

O Atlético abriu o placar logo aos 16 minutos com um golaço de falta de Otero. O venezuelano arriscou de muito longe, sem barreira, a bola pegou um efeito no meio do caminho e foi parar no canto do goleiro Moyano.


Atlético amplia

Réver sofreu pênalti polêmico aos 28 minutos, e Hyoran não desperdiçou a cobrança, batendo no canto inferior direito do goleiro adversário, incendiando a Arena Independência e fazendo a torcida do Galo acreditar na virada.


Pressão final

Nos minutos finais, o Galo ainda fez um "abafa" para cima dos argentinos, mas não conseguiu criar boas chances para fazer o terceiro gol e foi eliminado.

Próximos jogos

O Atlético-MG volta a campo na próxima quarta-feira, pela Copa do Brasil, contra o Afogados-PE