<
>

Jornal de Manchester diz que banimento da Champions deixa Aguero perto do 'adiós' no City

play
Kfouri analisa suspensão do City: 'Punição exemplar, caso a culpa seja comprovada' (2:17)

Jornalista avaliou o prejuízo que o clube terá caso a punição seja mantida (2:17)

O jornal Manchester Evening News, especializado na cobertura dos clubes da cidade, publicou reportagem nesta terça-feira que deixou os torcedores do Manchester City bastante apreensivos.

De acordo com apuração do veículo, o banimento dos Citizens das duas próximas edições da Champions pode resultar na saída de Sergio Agüero, maior artilheiro da história do clube e ídolo absoluto da torcida.

E o diário já aponta inclusive o provável futuro do argentino: um retorno ao futebol de seu país natal, onde ele iria para encerrar sua vitoriosa carreira.

"Com o contrato do matador acabando no final da próxima temporada, todos sabem que, quando ele deixar o City, será para realizar seu sonho de infância de jogar novamente no seu time de coração: o Independiente", recordou.

O jornal ainda lembrou que Agüero garantiu à torcida que só deixaria o City quando ganhasse a Liga dos Campeões pelo clube.

No entanto, após a duríssima punição aplicada pela Uefa pelo descumprimento das regras de fair play financeiro, é provável que a promessa do centroavante não seja cumprida.

"A Champions é o único troféu que falta na recheada galeria pessoal do argentino. Caso ele siga seu coração e fique até o final de seu contrato no City, a Champions desse ano pode ser sua última chance de colocar essa última coroa", decretou.

"Isso deixa Agüero com duas opções: dar tudo de si para ganhar a Liga dos Campeões nesta temporada e, ganhando ou perdendo, curtir seu 'canto do cisne' no Etihad Stadium à la David Silva. Ou deixar o clube em junho, à procura da glória europeia em outro lugar", acrescentou.

"Vale lembrar, porém, que a glória para o City nesta temporada, ou em qualquer temporada, está longe de ser garantida. O City nunca chegou a uma final, alcançou a semi só em 2016 e enfrentará o poderoso Real Madrid nas oitavas de final na semana que vem...", finalizou.