<
>

Messi acima de Cristiano Ronaldo, Neymar atrás de Simeone: os jogadores e técnicos mais bem pagos do mundo

play
Neymar seria capaz de assumir a 'coroa' de Messi no Barcelona? Comentaristas discutem no Na Veia (2:19)

Segundo jornal inglês, Messi ficou bastante incomodado de Neymar não ter voltado (2:19)

Astro do Barcelona, Lionel Messi segue sendo o jogador de futebol mais bem pago do mundo. Ele continua à frente de Cristiano Ronaldo, da Juventus, no ranking de salários publicado nesta sexta-feira pelo jornal francês L'Équipe.

De acordo com a publicação, Messi recebe cerca de 8,3 milhões de euros brutos por mês, mais de R$ 39 milhões. O salário do argentino é quase o dobro do português, que leva 4,5 milhões de euros mensais (R$ 21,1 mi).

Os dois estão acima de Neymar, o mais bem pago do PSG com 3 milhões de euros mensais (R$ 14,1 mi). O brasileiro, inclusive, ganha R$ 5 milhões a mais por mês que o colega de time Mbappé.

Antoine Griezmann e Luis Suárez, ambos do Barcelona, estão logo atrás, com pouco menos de 3 milhões de euros por mês. Eles são seguidos por uma dupla do rival Real Madrid: Gareth Bale e Eden Hazard embolsam 2,5 milhões de euros mensais cada (R$ 11,7 mi).

A lista também destaca o jogador mais bem pago da Premier League, o goleiro De Gea, do Manchester United: 1,76 milhão de euros por mês (R$ 8,2 mi), que deixa Mesut Ozil, do Arsenal, e Kevin De Bruyne, do Manchester City, para trás na lista.

Na Bundesliga, Robert Lewandowski e Philippe Coutinho, do Bayern de Munique, lideram com 1,66 milhão de euros mensais (R$ 7,8 mi).

De volta à Série A, Gonzalo Higuaín e Paulo Dybala são os que mais se aproximam de CR7, com 1,09 e 1,06 milhão de euros, respectivamente (R$ 5,1 mi e R$ 4,99 mi).

O ranking dos treinadores

Entre os técnicos, Diego Simeone, do Atlético de Madrid, lidera a lista com 3,6 milhões de euros por mês (R$ 16,9 mi). Salário que o colocaria em 3º entre os jogadores, à frente de Neymar.

O argentino deixa para trás os principais técnicos da Premier League - Pep Guardiola leva 1,94 milhão de euros (R$ 9,13 mi) mensais no Manchester City; Jurgen Klopp, do Liverpool, e José Mourinho, do Tottenham, estão empatados com 1,46 milhão de euros (R$ 6,8 mi).

Abaixo do trio, Zinedine Zidane embolsa 1,4 milhão (R$ 6,59 mi) no comando do Real Madrid, quase o triplo do que recebe o recém-chegado Quique Setién no Barcelona (500 mil euros, ou R$ 2,35 milhões).