<
>

Cabem no seu time? As melhores opções que ficarão livres no mercado ainda em 2020 na Europa

Alguns jogadores de nome de grandes clubes europeus estarão livres para negociar com qualquer clube na janela de julho de 2020 se não assinarem nada com seus respectivos clubes. Estes são os principais, com uma ajuda do Transfermarkt:

Edinson Cavani (PSG)

O atacante uruguaio quase foi para o Atlético de Madrid na janela de janeiro, mas a pedida de 20 milhões de euros do PSG dificultou o acordo. Agora, Cavani poderá escolher o clube em que vai jogar e, provavelmente, será o Atlético, apesar de que os espanhóis podem ter outros planos quando o verão europeu chegar.

Willian (Chelsea)

Agora que a saga do contrato de Callum Hudson-Odoi foi finalmente resolvida, o Chelsea pode voltar suas atenções para Willian e Pedro, cujos contratos também estão chegando ao fim. O clube precisa agir rápido, a menos que queira perdê-los por nada, embora a sensação é de que Willian permanecerá (em meio a interesses de Barcelona e Juventus) e Pedro sairá, com a chegada de Jadon Sancho no verão.

Nemanja Matic (Manchester United)

Dado o quão importante Matic foi para o United sob o comando de José Mourinho, parece estranho que Ole Gunnar Solskjaer tenha mantido-o fora do time. O sérvio ainda tem apenas 31 anos, mas é uma questão de se o United está mais interessado na juventude do que na experiência antes de tomar uma decisão sobre se deve ou não optar por dar mais um contrato para ele.

Adam Lallana (Liverpool)

A marcha do Liverpool rumo ao título da Premier League desta temporada está acontecendo sem muita ajuda do ex-meia do Southampton. Ele tem sido um jogador coadjuvante (se muito) nas últimas temporadas, mas, com apenas 31 anos, ainda pode ter um papel importante em um clube de menor expressão.

David Silva (Manchester City)

Ele pode ter 33 anos, mas Silva tem muita qualidade e já revelou que deixará Manchester após 10 anos. O City tem outro Silva - Bernardo - para substituí-lo, assim como o jovem Phil Foden, mas o espanhol continuará jogando e disse à ESPN no ano passado que gostaria de terminar sua carreira jogando no Las Palmas, o clube da sua cidade natal de Gran Canaria.

Tahith Chong (Manchester United)

O Manchester United já esteve nesta situação antes, com Paul Pogba. Eles têm um jovem jogador talentoso que não está conseguindo tempo de jogo no time principal e poderia ir embora de graça, enquanto outro clube (possivelmente a Inter de Milão, neste caso) tenta ficar com ele. Chong tem 20 anos e está frustrado, mas o ponta holandês pode ser uma pechincha para um dos principais clubes da Europa, se ele não se mudar para o time chinês da Super Liga, Jiangsu Suning.

Dries Mertens (Napoli)

O Napoli tem uma decisão a ser tomada sobre Mertens, que está adiando a renovação de contrato por conta do interesse de Manchester United e Chelsea. O futuro de outro jogador de 32 anos, Jose Callejón, também está incerto, já que ele recusou uma mudança para o Shanghai Shenhua no verão.

Layvin Kurzawa e Thomas Meunier (PSG)

O lateral-esquerdo francês Kurzawa estava vinculado ao Arsenal e à Juventus em janeiro, mas espera que esses clubes voltem atrás dele se estiver disponível sem taxa de transferência. A Juve queria um acordo de troca para incluir Mattia De Sciglio, mas isso acabou se desfazendo. E o lateral-direito da Bélgica, Meunier, é outro jogador que o clube italiano poderia perseguir, devido à necessidade de reforços nas laterais.

Mario Götze (Borussia Dortmund)

Sempre conhecido como o homem que marcou o gol do título na final da Copa do Mundo de 2014 pela Alemanha, Götze pode sentir que tem mais a provar. Ainda com apenas 27 anos e depois de uma passagem fracassada pelo Bayern de Munique, os interesses de Liverpool (e do ex-técnico Jurgen Klopp) não desaparecerão, mas haverá uma disputa por sua contratação se ele deixar o Dortmund.

Blaise Matuidi (Juventus)

É surpreendente que mais clubes não tenham sido vinculados a Matuidi devido à situação contratual e ao fato de ele ainda ter apenas 32 anos. O francês realmente começou mais jogos da Série A (19) do que Cristiano Ronaldo (18) nesta temporada e seria uma boa adição a qualquer clube que queria fortalecer o seu meio-campo.

Ryan Fraser (Bournemouth)

O Bournemouth está pronto para oferecer cerca de £ 100.000 (cerca de R$ 554 mil) por semana ao ponta Fraser para mantê-lo no clube, mas Arsenal e Leicester demonstraram interesse. Tanto o jogador quanto o clube sofreram com a especulação. O atleta de 25 anos afirmou recentemente que estava arrependido de como isso o afetou.