<
>

Premier League: Everton consegue R$ 161 milhões de empresa apenas por 'opção' de vender naming rights de novo estádio

O Everton conseguiu um negócio inusitado. Pela opção de vender os naming rights do seu novo estádio, em Bramley-Moore Dock, em Liverpool, que pode ser inaugurado em 2013/24, a empresa USM pagará 30 milhões de libras (R$ 161 milhões).

O clube inglês anunciou o acordo nesta terça-feira. A empresa fundada por Alisher Usmanov terá um contrato ainda sem prazo definido com a equipe para ser a opção de nome do estádio.

Caso a USM não queira exercer sua opção de ser detentora dos naming rights, o Everton receberá o valor da mesma maneira. Ainda em janeiro, Usmanov sugeriu que o nome do estádio seja "USM Arena".

O valor será usado exclusivamente nos custos da construção do novo estádio. A empresa já tem negócios existentes com o clube inglês, com o nome de Finch Farm, patrocínio das mangas das camisetas.

O Tottenham, por exemplo, teve dificuldades para encontrar uma empresa que desse o valor de 20 milhões de libras (R$ 107 milhões) por ano para ter os naming rights do seu novo estádio.