<
>

'Vilão' da Libertadores, Pratto diz que River passou por cima do Flamengo por 80 minutos e relembra erro fatal: 'Nunca me senti tão triste'

O River Plate esteve muito próximo de conquistar o bicampeonato da Copa Libertadores em 2019, mas tudo mudou após a entrada de Lucas Pratto na partida.

O Flamengo conseguiu uma virada histórica, com dois de Gabigol, e uma participação crucial do atacante argentino.

Em entrevista, Pratto falou sobre os 80 minutos de superioridade do River, e também do fatídico lance que ocasionou no primeiro gol brasileiro.

“Passamos por cima do Flamengo por 80 minutos. Minha tristeza é que entrei para dar novo fôlego ao time e não consegui. Me senti muito mal com isso.”

“Sou grato pelo apoio. Sei que algumas pessoas torcem para que as coisas deem errado. Finais são decididas nos detalhes. Nunca me senti tão triste”, completou.

Na final da Libertadores de 2018, Pratto fez um dos gols do River, contra o Boca Juniors, em pleno Santiago Barnabéu.