<
>

Arana escancara insatisfação na Itália e pensa em sair em janeiro: 'Não vim aqui para ficar todo ano no banco'

play
Corinthians já tem 'lista de compras' de Tiago Nunes com Pity Martinez, Luan, Taison e mais, revela Nicola (2:42)

Comentarista trouxe os desejos do clube alvinegro para a próxima temporada (2:42)

Guilherme Arana está insatisfeito na Atalanta. O lateral brasileiro deixou claro que não está feliz com as poucas oportunidades na Itália e que pensa em trocar de clube em janeiro. Para isso, depende do Sevilla , com quem ainda tem contrato até o fim de junho de 2022.

“Estou muito incomodado. Me sinto bem fisicamente, sei que poderia ajudar muito o meu clube, mas a Atalanta não me dá as oportunidades que preciso para jogar e mostrar meu talento”, disse ele, em entrevista ao jornal de Sevilha “Estadio Deportivo”.

“Não sei dar uma explicação, sou sincero. Entendo que meus companheiros estão jogando muito bem. Falo de Gosen, Hateboer, Castagne... Mas esperava jogar um pouco mais, claro. Não vim aqui para ficar todo o ano no banco”, complementou.

Antes da Atalanta, Arana chegou a ficar perto de retornar ao Brasil, para o Corinthians, mas o clube não chegou a um acerto com o Sevilla quanto à forma de pagamento.

“A Atalanta está na Champions League, é uma equipe importante na Itália, e eu queria seguir sendo protagonista na Europa, em uma liga muito competitiva como a italiana. Por isso, decidi mudar-me para cá como emprestado. Mas agora minhas prioridades mudaram: quero jogar e estou convencido de que logo chegarão coisas grandes para mim.”

Arana deixou clara a vontade de se transferir já em janeiro, ainda que seu destino dependerá do Sevilla, já que segue com contrato – seu empréstimo acaba em junho de 2020.

“Falarei com meus empresários e avaliarei as ofertas sobre a mesa para encontrar a melhor solução para meu futuro no mercado de janeiro. Pensarei bem com minha família, não posso falhar desta vez.”