<
>

Figueirense rompe contrato com fornecedora de uniformes

O Figueirense anunciou na manhã desta quinta-feira a rescisão unilateral com a Topper, fornecedora de materiais esportivos do clube. O contrato tinha validade até 2021, mas foi rompido por “irregularidades no fornecimento”, segundo o Furacão.

(Foto: Matheus Dias/ Figueirense)

Apesar do ocorrido, o time catarinense ainda vai entrar em campo com as camisas da empresa neste sábado, quando joga a última rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, contra o Operário, no Orlando Scarpelli.

Figueirense e Topper tinham acordo desde o início da temporada 2018. A nova fornecedora ainda não foi anunciada.

Confira na íntegra a nota emitida pelo Figueirense sobre o ocorrido:

O Figueirense Futebol Clube comunica que, na noite de quarta-feira (27), rescindiu, de forma unilateral, o contrato de fornecimento de material esportivo que mantinha com a empresa Topper, assinado em 2018 e que tinha validade até o final do ano de 2021.

A rescisão se deu por irregularidades no fornecimento de materiais por parte da empresa contratada pelo clube. Na partida deste sábado (30), contra o Operário, pela Série B do Campeonato Brasileiro, o Figueirense ainda irá usufruir dos uniformes desenvolvidos pela Topper.

O Figueirense, agora, busca novas parcerias para iniciar a temporada de 2020 com um novo fornecedor, que atenda às necessidades do clube e de sua grande torcida.