<
>

Com Boselli e 'três gerações de Verón', Estudiantes reinaugura estádio com amistoso de lendas

Fechado desde 2007, o estádio Jorge Luis Hirschi, do Estudiantes de La Plata, foi reinaugurado neste final de semana com uma festa incrível. Na noite de domingo, um amistoso de lendas do clube contou com grandes nomes como Mauro Boselli, atualmente no Corinthians, e três gerações de Veróns em campo.

O atacante alvinegro, que participou do empate com o Palmeiras no sábado e viajou a Argentina durante sua folga, foi campeão da Copa Libertadores de 2009 com a equipe argentina, vencendo o Cruzeiro no Mineirão, e vice-campeão mundial no mesmo ano diante do Barcelona. Ao lado de Boselli naquela equipe estava ninguém menos que Juan Sebastián Verón.

O sobrenome Verón, inclusive, é sinônimo de Estudiantes. Juan Ramón Verón, o 'Vô Verón', foi o primeiro a vestir a camisa pincharrata. Juan Sebastián é uma lenda do clube por conta da campanha incrível em 2009. E Deian Verón, filho de "La Bruja", é atualmente jogador dos reservas do clube e tenta escrever a sua história.

Os três estiveram juntos em campo e o vô foi um dos grandes protagonistas da partida, marcando um gol e protagonizando um momento cômico: o técnico Alejandro Sabella, que comandava a equipe em 2009, pediu para que Juan Ramón deixasse o gramado para ser substituído, mas o jogador se negou.

O comandante, então, invadiu o gramado e tirou o Vô Verón "a força" do gramado, provocando risos em todos os mais de 30 mil presentes.