<
>

São Paulo volta a decepcionar no Morumbi, perde do Athletico-PR e se complica na briga pelo G-4

O São Paulo segue com seu momento de instabilidade no Campeonato Brasileiro. Após perder para o Fluminense dentro no Morumbi, a equipe voltou a tropeçar dentro de casa. Mais uma derrota, desta vez pelo placar de 1 a 0 para o Athletico-PR e com direito a vaias dos poucos torcedores que compareceram ao estádio.

O resultado faz com que o São Paulo perca a oportunidade de entrar no G-4. Se conseguisse a vitória, torceria por um tropeço do Grêmio contra a Chapecoense para terminar a rodada entre os primeiros.

O clube também fecha sua sequência de dois jogos no Morumbi decepcionando seu torcedor. Após vencer a Chapecoense fora de casa, era a oportunidade de engatar vitórias e se consolidar no G-4. Mas, com duas derrotas, as coisas se complicam.

Ficha técnica

São Paulo 0 x 1 Athletico-PR

Gols: Marcelo Cirino (Athletico-PR)

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Daniel Aalves, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Jucilei, Tchê Tchê e Igor Gomes; Antony, Pablo (Raniel) e Vitor Bueno. Técnico: Fernando Diniz

ATHLETICO-PR: Santos; Madson, Thiago Heleno; Robson Bambu e Márcio Azevedo; Wellington, Camacho, Bruno Nazário (Lucho González) e Nikão; Rony e Marcelo Cirino. Técnico: Eduardo Barros

Estatísticas

2 - O número de derrotas consecutivas do São Paulo no Morumbi

7 - O número de chutes para fora do São Paulo

3 - O número de derrotas do São Paulo nos últimos 4 jogos


MOVIMENTADO

Jogando em casa, o São Paulo tomava a iniciativa da partida e criava as melhores oportunidades. Foram ao menos três boas chances de inaugurar o marcador. Primeiro com Reinaldo em grande defesa do goleiro Santos, depois com Pablo desperdiçando cara a cara e por último em chute de Antony dentro da área.

O Athletico não criava oportunidades de gol, mas era sempre perigoso nas puxadas de contra-ataque. Marcelo Cirino incomodava muito a defesa tricolor, e teve a melhor chance dos visitantes em chute de fora da área.


COMO QUE ELE PERDEU?!

A melhor chance do São Paulo na primeira etapa foi com o atacante Pablo. Cara a cara com o goleiro, Santos, ele conseguiu perder.


ABRIU A CHAPELARIA!

Na primeira etapa, o meia do Athletico Bruno Nazário esbanjou categoria em uma jogada no meio-campo. Sem deixar a bola cair, aplicou dois chapéus em cima de Tchê Tchê e depois Vitor Bueno.


FALTOU PONTARIA

As chances continuaram aparecendo no Morumbi, mas a falta de pontaria das duas equipes impediu que a rede balançasse no Morumbi. Pelo lado do Athletico, a melhor oportunidade veio com o argentino Lucho González após bela trama no ataque.

O São Paulo de novo chegava com mais volume, mas pecava no último passe e na hora de concluir a jogada. Gabriel Sara quase fez no rebote após disputa dentro da área. Vitor Bueno e Tchê Tchê arriscaram bons chutes de fora da área, mas o goleiro Santos estava bem posicionado.

Mas, no fim do jogo veio a decepção para o são-paulino e a alegria para o athleticano. Marcelo Cirino arriscou de fora da área, contou com a falha de Tiago Volpi e tirou o zero do placar no Morumbi.


NA TABELA

São Paulo - 5º lugar - 52 pontos

Athletico-PR - 6º lugar - 50 pontos


PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a entrar em campo no próximo final de semana pela 33ª rodada

  • Sábado, 16/11, 17h: Santos x São Paulo, Vila Belmiro

  • Domingo, 17/11, 16h: Athletico-PR x Botafogo, Arena da Baixada