<
>

Abel vê Cruzeiro jogando 'no limite' e promete presente aos jogadores

play
Abel diz que Cruzeiro agora 'virou a chave': 'Deixamos tudo em campo' (3:25)

Treinador comemorou a segunda vitória seguida no Brasileiro (3:25)

Em situação delicada no Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro teve semana iluminada. Depois de derrotar o São Paulo na quarta-feira, a equipe venceu o Corinthians neste sábado, em Itaquera. Depois do apito final, Abel Braga concedeu entrevista coletiva e elogiou a força mental dos seus comandados.

O técnico citou o desgaste acumulado por conta da sequência de jogos e destacou a importância de vencer fora de casa.

“Nós fomos no limite, no extremo. O desgaste contra o São Paulo foi muito grande e você jogar aqui, no sábado, é muito complicado. Cada um lutou em cada pedaço desse campo. Às vezes é importante recuar. Você marca alto, mas não consegue fazer isso todo jogo. Saímos atrás e não nos desorganizamos. Vamos continuar jogo a jogo. Mais de um ano que não ganhava fora (de BH) no Brasileiro, isso dá um alivio muito grande, porque o peso do clube é enorme”, afirmou o treinador.

“Erramos o último passe inúmeras vezes. Isso não é falta de categoria do jogador do Cruzeiro. É mental. Foi muito bom. Foi uma vitória extremamente importante para nós”, completou.

Abel revelou que o elenco terá dois dias de folga e apenas se apresentar apenas na terça-feira. O treinador afirmou que os jogos de um time que luta contra o rebaixamento têm uma carga mental muito grande.

“Vou dar um presente para eles. Nós vamos nos apresentar só na terça-feira de manhã. É um presente para eles. Eu vivi isso (luta contra o rebaixamento) na Ponte Preta até o último jogo. É uma força absurda mental. Estão todos de parabéns, porque tiveram humildade para entender a maneira de jogar do Corinthians. Quando você vê um tipo de jogo assim, você tem que lutar contra os seus medos. O excesso de preocupação, de querer acertar sempre”, finalizou.

Com a vitória, o Cruzeiro chegou a 28 pontos, na 16ª colocação, saindo provisoriamente da zona de rebaixamento. O clube ainda pode ser ultrapassado por Ceará e CSA até o final da rodada. O próximo compromisso do time será contra o Fortaleza, no sábado às 21h.