<
>

Criciúma sai na frente, mas cede empate ao Vitória em luta contra o Z4

Criciúma EC/Divulgação

O Criciúma não conseguiu sair da zona de rebaixamento da Série B do Brasileirão nesta terça-feira. Recebendo o Vitória no Heriberto Hülse, em partida válida pela 29ª rodada da competição, o time até saiu na frente, mas acabou saindo de campo com o empate em 1 a 1 no confronto direto contra o Z4.

O gol dos donos da casa foi marcado por Sandro. Felipe Gedoz deixou tudo igual para os visitantes.

O jogo

O Vitória foi quem começou levando mais perigo. Logo no primeiro minuto, Lucas Cândido experimentou de longe e forçou boa defesa de Bruno Grassi. O Criciúma, por sua vez, respondeu aos 13, quando Marlon cruzou na cabeça de Léo Gamalho, mas Martín espalmou. No rebote, Andrew finalizou quase sem ângulo, e o goleiro do Vitória novamente apareceu para evitar o primeiro gol do jogo.

Empolgado com a primeira grande oportunidade, o Criciúma continuou em cima dos visitantes e aos 17 minutos esteve mais uma vez próximo de abrir o placar. Em cobrança de falta, Daniel Costa mandou para o meio da área, mas a bola passou por todo mundo. Sandro era quem estava mais perto de empurrá-la para o fundo da rede, mas não alcançou.

Mas, de tanto insistir, o Criciúma, enfim, abriu o placar aos 32 minutos. Em nova jogada aérea, Thales ajeitou de cabeça, e Sandro completou também de cabeça para o fundo da rede, sem qualquer chance para o goleiro Martín, que não pôde evitar a conclusão dentro da pequena área.

Segundo tempo

No segundo tempo, o Vitória deu indícios que seu rival não sairia de campo com a vitória tão facilmente. Logo aos nove minutos, Thiago Carleto bateu falta de longa distância e carimbou o travessão do Criciúma. Já aos 14, Caicedo recebeu bom lançamento, mas, cara a cara com o goleiro, acabou não conseguindo tocar para o fundo da rede.

Se nos dois primeiros lances criados o Vitória não contou com a sorte, melhor para os visitantes na terceira oportunidade criada, proveniente de uma bola parada. Aos 19 minutos, Felipe Gedoz cobrou falta por cima da barreira e abriu o placar, deixando o goleiro Martín sem reação.

Tendo de sair para o jogo nos minutos finais para evitar o tropeço em casa, o Criciúma até chegou a reassumir a frente no placar já nos últimos instantes, mais precisamente aos 41, com Thales, que aproveitou a sobra da dividida entre Léo Gamalho e o goleiro Martín para estufar a rede, no entanto, o árbitro marcou impedimento no início do lance.

Desta forma, coube às duas equipes se conformarem com o empate em 1 a 1 no Heriberto Hülse.

FICHA TÉCNICA:
CRICIÚMA 1 X 1 VITÓRIA

Local: estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC)
Data: 15 de outubro de 2019, terça-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (PR)
Assistentes: Luiz Souza Santos Renesto (PR) e Weber Felipe Silva (PR)
Gols: Sandro, aos 32 do 1ºT (Criciúma); Felipe Gedoz, aos 19 do 2ºT (Vitória)
Cartões amarelos: Thiago Carleto e Wesley (Vitória); Jean Mangabeira (Criciúma)

CRICIÚMA: Bruno Grassi (Paulo Gianezini); Andrew, Sandro, Thales e Marlon; Jean Mangabeira, Eduardo, Wesley e Daniel Costa (Reinaldo); Léo Gamalho e Vinicius (Reis). Técnico: Roberto Cavalo

VITÓRIA: Martín Rodríguez; Van, Ramon, Everton Sena e Thiago Carleto; Léo Gomes, Lucas Cândido (Romisson), Felipe Gedoz e Felipe Garcia (Eron); Wesley e Caicedo (Anselmo Ramon). Técnico: Geninho