<
>

Atlético-GO leva gol no fim e só empata com o Cuiabá na Série B

Divulgação/AssCom Dourado

O Atlético-GO recebeu o Cuiabá nesta terça-feira e ficou no empate por 1 a 1, em confronto válido pela 27ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. A equipe goiana retomou a 2ª colocação da tabela, mas perdeu a oportunidade de colar no líder Bragantino.

Buscando a vitória dentro de casa, o Atlético-GO abriu o placar na primeira etapa. Aos 36 minutos, Jonathan cruzou bola em batida de falta da intermediária e achou Mike livre na área. O atacante primeiro desviou na trave, mas conseguiu pegar o rebote, e com o goleiro já batido, só teve que empurrar para a rede.

Apesar da desvantagem, o Cuiabá lutou e chegou ao empate aos 37 minutos da segunda etapa. André Castro derrubou Anderson Conceição na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Paulinho bateu firme no canto direito e deixou tudo igual.

O resultado fez o Atlético-GO chegar a 46 pontos na classificação, mesma marca do 3º colocado Sport, que tem uma vitória a menos, e seis a mais que o Coritiba, primeira equipe fora do G4. O resultado manteve os goianos provisoriamente oito pontos atrás do Bragantino, que ainda visita o América-MG no encerramento da rodada, e pode ampliar a vantagem.

Por outro lado, o Cuiabá evitou sua terceira derrota consecutiva no campeonato e se manteve na 11ª posição com 36 pontos somados, sete a mais em relação à zona de rebaixamento e cinco a menos que a última equipe do G4.

FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-GO 1 X 1 CUIABÁ

Local: Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO)
Data: 08 de outubro de 2019, terça-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)
Assistentes: Eli Alves Sviderski (SC) e Gizeli Casaril (SC)
Cartões Amarelos: Jonathan, Gilvan, Mike e Jorginho (Atlético-GO); Ednei e Felipe Marques (Cuiabá)
Gols: Mike, aos 36 minutos do 1º tempo, para o Atlético-GO; Paulinho, aos 37 minutos do 2º tempo, para o Cuiabá.

ATLÉTICO-GO: Kozlinski; Jonathan, Oliveira, GIlvan e Nicolas; André Castro, Matheuzinho (Pedro Bambu) e Jorginho; Mike, Aylon (Jairinho) e Rodrigo Rodrigues (Pedro Raul). Técnico: Wagner Lopes

CUIABÁ: Victor Souza; Léo, Ednei, Anderson Conceição e Paulinho; Djavan, Marino (Escobar) e Jean Patrick (Lucas Braga); Felipe Marques e Gilmar (Rincon) e Mateus Anderson. Técnico: Itamar Schülle