<
>

Lloris não precisa de cirurgia, mas só volta ao Tottenham em 2020 depois de lesão assustadora

O Tottenham recebeu mais uma notícia ruim nesta segunda-feira: o goleiro Hugo Lloris não jogará mais em 2019.

Lloris sofreu uma lesão assustadora no lance do primeiro gol do Brighton durante a derrota por 3 a 0 no sábado, pela Premier League. O francês não sofreu qualquer tipo de fratura, mas teve danos nos ligamentos do cotovelo esquerdo, que acabou deslocado.

O goleiro de 32 anos não precisará passar por cirurgia, mas ficará afastado pelo restante do ano e só voltará a treinar com os Spurs em 2020. Sem ele, a expectativa é que o argentino Paulo Gazzaniga assuma a posição.

"Hugo está usando uma tipoia e passará por um período de descanso e reabilitação sob supervisão de nossa equipe médica", confirmou o Tottenham, em nota oficial.

O lance aconteceu logo aos 3 minutos de jogo, quando Lloris não conseguiu segurar um cruzamento de Pascal Gross e caiu em cima do seu braço de maneira enquanto os donos da casa anotavam seu primeiro gol, com Neal Maupay.

O goleiro precisou de atendimento em campo com gás anestésico. Retirado de maca, ele teria deixado o estádio gritando de dor e foi transferido para um hospital próximo.