<
>

Tudo começou em Anfield: jornal catalão dá sete nomes para explicar crise do Barcelona

O jornal espanhol Sport publicou um artigo sobre a crise do Barcelona, que perdeu para o Granada na última rodada de LaLiga, foi dominado pelo Borussia Dortmund na Champions League e não conseguiu apresentar um futebol digno das últimas temporadas.

Ele listou sete nomes que simbolizam os problemas no Camp Nou.

1- Anfield (onde tudo começou)

No dia 7 de maio, o Barcelona levou uma improvável virada do Liverpool na semifinal da Champions League em Anfield. A equipe tinha construído uma larga vantagem no Camp Nou, mas conseguiu levar quatro gols na Inglaterra. Apesar do vexame, o presidente descartou demitir o técnico Ernesto Valverde e resolveu contratar De Jong, Griezmann e falhou em trazer Neymar.

2- Valverde (nem mesmo sua versão mais corajosa funciona)

O treinador foi bastante criticado por suas escolhas nesta temporada, deixando de lado nomes como Busquets e Rakitic do time titular. Nem mesmo suas atitudes mais corajosas tem dado resultado na equipe.

3- Junior (problema muito sério nas laterais)

Semedo teve um desempenho questionável contra Granada e Dortmund. Sergi Roberto por muitas vezes fez a posição, mas sem brilhantismo. Já o antes intocável Jordi Alba tem falhado com regularidade em jogos decisivos. A fragilidade das laterais tem prejudicado muito a defesa catalã.

4 - De Jong (você vai acabar tonto)

Em meio a tanto pessimismo, De Jong demonstra por que todo mundo o vê como um jogador que marcará época no clube O problema é que ele é muito jovem e Valverde tem que escolher se quer transformá-lo no novo Busquets ou se juntar a Badía e Arthur em um meio de campo que personifica as essências do DNA Barça.

5 - Griezmann (sociedade muito limitada)

A assinatura do francês gerou muito barulho. Devido ao seu deslocamento em relação ao ano anterior e seu ajuste tático. Exceto pelo desempenho promissor contra o Betis, no qual ele resolveu com dois gols, e mesmo na partida contra o Valencia (participou em três gols), Griezmann ainda não está à altura. Diante das dúvidas, o nome de Neymar ganha mais força.

6 - Messi (nenhuma notícia da equipe competitiva)

A lesão de Messi está marcando o início da temporada, que está longe de apresentar a sua melhor versão. Desconectado de Griezmann e até de seu amigo Luis Suarez, também em processo de recuperação física, ele chama poderosamente a atenção que o jovem Ansu procura como seu principal aliado. Messi disse em entrevista ao jornal Sport que desejava uma equipe competitiva para as próximas temporadas.

7 - Ansu Fati (uma luz na escuridão)

Sua aparição é uma lufada de ar fresco. Uma luz na escuridão deste Barça. Mas seu talento e autoconfiança não devem nos cegar. Ele tem apenas 16 anos e não pode pedir mais do que faz, o que já é muito. Não podemos torná-lo o Vinicius do Barça. Você precisa cuidar e protegê-lo para que ele continue a crescer.