<
>

Corinthians tem protesto de organizada no CT, que pede raça e ataca Carille: 'Retranqueiro'

play
Corinthians tem protesto no CT, e torcida organizada canta: 'Se não jogar com raça, o couro vai comer' (0:54)

Clima é de cobrança no treinamento, com faixas de 'Carille retranqueiro' e 'time sem raça' (0:54)

O clima é de pressão no Corinthians.

Nesta sexta-feira, torcedores organizados do clube foram ao Centro de Treinamento Dr. Joaquim Grava para protestar contra os atuais resultados da equipe alvinegra, que perdeu em casa por 2 a 0 para o Independiente del Valle, do Equador, na última quarta.

A derrota no jogo de ida da semifinal da Copa Sul-Americana, somada à derrota por 1 a 0 para o Fluminense pelo Campeonato Brasileiro, foram o estopim para a insatisfação da torcida com a postura dos jogadores.

Esse foi o principal alvo do protesto: a vontade. “Não queremos glória, joga com raça e honra nossa história!” foi um dos cantos entoados, assim como “raça Timão, você é tradição” e “se não jogar com raça, o couro vai comer”.

O treinador da equipe não escapou e foi o tema de uma faixa levada ao CT, que dizia “Carille retranqueiro”. Além dos pedidos de raça, outra faixa dizia “estudem a nossa história”.

A próxima partida do Corinthians é neste sábado, às 19h, contra o Bahia, pelo Campeonato Brasileiro. A equipe paulista ocupa atualmente a 5ª colocação, com 32 pontos, 10 atrás do líder Flamengo.