<
>

Geromel e Loivo são eternizados na calçada da fama do Grêmio

Em clima de festividade pelos 116 anos de história, o Grêmio eternizou dois jogadores na sua calçada da fama. Um dos principais nomes na conquista da Copa Libertadores de 2017, Pedro Geromel foi um dos homenageados na noite desta terça-feira. Loivo, ponta-esquerda do Tricolor nos anos 70 e 80, também deixou suas pegadas na cerimônia realizada no saguão principal da Arena.

Geromel e Loivo foram homenageados (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

Dirigentes e torcedores presenciaram o discurso histórico dos gremistas. “Estou muito orgulhoso por estar aqui hoje. Receber essa homenagem de um clube como o Grêmio é um momento inenarrável. A única palavra que me vem é‘gratidão’. Esse momento vai ficar marcado para sempre na minha vida. Fiz questão de trazer os meus filhos para acompanharem este momento, para eles entenderem que a gente passa, mas a história fica. Tenho certeza que ainda vou dar muitas alegrias ao torcedor”, disse Geromel.

Com mais de 400 partidas pelo Grêmio, Loivo também se emocionou em sua declaração. “É um dia que eu nunca vou esquecer, principalmente por estar ao lado do Geromel. Obrigado aos conselheiros do Grêmio que aprovaram o meu nome para esta homenagem. Sou gremista desde pequeno e honrei essa camisa por dez anos. Se eu pudesse dar a vida pelo Grêmio, eu daria”, finalizou.

Agora, a calçada da fama do Imortal, que foi a primeira a ser inaugurada por um clube brasileiro, conta com 46 nomes.