<
>

Lendário goleiro do Valencia diz que novo técnico 'não sabe onde se meteu'

O ex-goleiro do Valencia e da seleção espanhol, Santi Cañizares, concedeu entrevista para a Rádio Marca, da Espanha, e falou sobre a decisão da saída do técnico Marcelino Toral da equipe.

A lenda do clube disse que a decisão já esperada, principalmente por conta dos atritos entre Mateu Alemany, presidente do Valencia, e Peter Lim, dono do clube: 'O técnico estava desprotegido. Peter disse que a saída de Marcelino se deu porque não confiava na base da equipe. É absurdo e não tem nenhum valor esportivo. Ele conseguiu os objetivos com louvor".

"Marcelino cumpriu todos os objetivos. Demiti-lo foi erro tremendo", adicionou Cañizares.

O ex-jogador também falou sobre o novo técnico do Valencia, Albert Celades: "Creio que ele não sabe onde se meteu, de como está o vestiário. Seu papel desde o começo será muito complicado".

O Valencia está na 10ª colocação de LaLiga, com 4 pontos após três jogos.