<
>

Luan marca e passa Renato Gaúcho, Grêmio vence Athletico-PR no Brasileiro e quebra jejum

Com um time reserva, o Grêmio venceu o Athletico Paranaense por 2 a 1 na Arena do Grêmio, neste sábado, em jogo válido pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A equipe gaúcha quebrou uma série de cinco jogos sem triunfos na competição e poupou os titulares visando a partida de volta pelas quartas de final da Copa Libertadores contra o Palmeiras.

Um dos gols foi marcado por Luan, que deixou Renato Gaúcho para trás na artilharia histórica do time gaúcho.

Com o resultado, o Grêmio subiu para a 11ª posição no torneio, com 21 pontos.

O Athletico, que caiu para a nona colocação, estacionou nos 22 pontos e manteve o tabu de não vencer o adversário fora de casa pelo Brasileirão desde 1983.

Luan decide

O time paranaense não escalou o lateral-direito Madson e o meia-atacante Thonny Anderson, que pertencem ao Grêmio e não podem atuar por força de contrato. O lateral Adriano foi poupado, assim como o atacante Marco Rúben, que sentiu dores no tornozelo.

Os donos da casa abriram o placar aos três minutos do primeiro tempo. Thaciano aproveitou a bobeira do zagueiro Léo Pereira e deixou Luan na cara do gol. O camisa 7 bateu colocado, sem chances para o goleiro Santos.

Luan passou Renato Gaúcho e Loivo na artilharia histórica do Grêmio, com 75 gols marcados. Agora ele é o 11º goleador máximo do clube tricolor.

Os visitantes passaram a dominar a posse de bola e a criar as melhores chances de empatar o jogo. O goleiro Júlio César fez grandes defesas.

Na segunda etapa, o Athletico-PR empatou com um golaço. Marcelo Cirino ganhou na velocidade de Paulo Miranda e cruzou para trás. Rony acertou um lindo voleio de pé esquerdo. A bola quicou no chão e entrou no canto direito de Júlio César.

O time rubro-negro não teve muito tempo para comemorar. Logo aos seis, Galhardo dominou na direita e cruzou com perfeição para dentro da área. Thaciano entrou de surpresa e, sem marcação, desviou de cabeça para o fundo da rede.

Aos 27, o Grêmio perdeu grande chance de ampliar o marcador. Diego Tardelli cobrou um pênalti rasteiro no canto direito, mas o goleiro Santos defendeu, sem dar rebote.

Aos 35, Tardelli saiu para a entrada do volante Michel, que estava há três meses parado por causa de uma lesão.

Luan saiu nos acréscimos para a entrada de Darlan, e foi bastante aplaudido pelos torcedores na Arena.

Com grandes defesas no segundo tempo, o goleiro Santos foi um dos destaques do duelo.

Agenda

O Grêmio voltará a campo contra o Palmeiras no Pacaembu pelo duelo de volta das quartas de final da Copa Libertadores da América na terça-feira. No jogo de ida, em Porto Alegre, o time alviverde venceu por 1 a 0.

O Athletico terá o próximo desafio diante do Ceará, sábado, pela 17ª rodada do Brasileirão.

FICHA TÉCNICA:
GRÊMIO 2 x 1 ATHLETICO-PR

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Data: 24 de agosto (sábado) Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa (Fifa-RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Público e renda: 12.748/R$ 355.594,00
Cartões amarelos: GRÊMIO: Juninho Capixaba, Romulo e Luciano; ATHLETICO: Léo Pereira
GOLS: Grêmio: Luan e Thaciano, aos 3 minutos do 1T e 6 minutos do 2T; Athletico: Rony, aos 2 minutos do 2T.

GRÊMIO: Júlio César, Rafael Galhardo, Paulo Miranda, David Braz e Juninho Capixaba; Romulo, Thaciano (Patrick) e Luan (Darlan); Luciano, Pepê e Diego Tardelli (Michel). Técnico: Renato Gaúcho

ATHLETICO-PR: Santos, Khelvenn, Lucas Halter, Léo Pereira e Márcio Azevedo (Abner); Wellington (Tomás Andrade), Bruno Guimarães e Léo Cittadini; Vitinho (Braian Romero), Rony e Marcelo Cirino. Técnico: Tiago Nunes