<
>

Palmeiras marca reunião com Procon e Polícia para resolver questão da rede do Allianz Parque

Após o presidente do Procon-SP (Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor de São Paulo) dizer à ESPN nesta quarta-feira que o Palmeiras e a entidade trabalham para retirar a rede do setor visitante do Allianz Parque, o time alviverde marcou para esta sexta-feira uma reunião na qual tentará resolver de vez a questão.

No encontro, estarão representantes do Verdão, da Polícia Militar, do Procon e do Allianz Parque, e será discutida a questão da rede de proteção e alternativas para que ela possa ser retirada.

A tela é uma exigência da PM, e sua obrigação está no laudo de segurança do estádio. Ou seja: ao colocar a tela, o Palmeiras está cumprindo uma determinação da Polícia.

Segundo a corporação, a tela tem que ser colocada para evitar arremessos de objetos do setor visitante nas arquibancadas inferiores.

Na reunião de sexta-feira, tudo isso será discutido, e serão estudadas alternativas para a retirada ou substituição da rede, que foi alvo de muita reclamação dos torcedores do Bahia durante o jogo do último domingo.

Antes, fãs do Athletico-PR também detonaram, e o presidente do Conselho Deliberativo do clube, Mauro Celso Petraglia, chegou a chamar a proteção de "jaula".

De acordo com Fernando Capez, presidente do Procon-SP, foram iniciadas conversas com o Verdão, que prometeu retirar a tela antes da próxima partida, contra o Fluminense, no dia 10 de setembro.

Resta agora chegar a um consenso com a Polícia Militar sobre o tema.