<
>

Mano Menezes aponta falta de entrosamento dos reservas do Cruzeiro em empate

Vinnicius Silva/Cruzeiro

Depois do empate do Cruzeiro contra o Bahia na Fonte Nova, o técnico Mano Menezes comentou o resultado em entrevista coletiva. E apesar de ter jogado com um atleta a mais durante a maior parte do duelo, o treinador afirmou que o 0 a 0 foi “quase uma vitória”, devido ao baixo entrosamento entre os reservas do Cruzeiro.

“Falta entrosamento de uma equipe que não joga. A superioridade numérica fez com que a gente chegasse muitas vezes ao ataque. Mas faltou um pouquinho desse entrosamento para conseguir a vitória. Mas é quase uma vitória que estamos levando aqui, pelas circunstâncias”, declarou o comandante.

Mano Menezes ainda apontou a maior experiência dos jogadores tricolores como um fator decisivo para o empate.

“Não podíamos descuidar do jogo. O Bahia tinha jogadores mais rodados contra meninos do nosso lado. E eles fizeram de tudo para nos vencer, mas suportamos bem a pressão quando fomos atacados”, completou.

Provisoriamente fora da zona do rebaixamento, o Cruzeiro ocupa a 16ª colocação no Campeonato Brasileiro, com dez pontos, e espera o fechamento da rodada.

Na terça-feira (23), a equipe entra em campo às 19h15 (de Brasília) para enfrentar o River Plate, no Monumental de Núñez, na partida de ida das oitavas de final da Copa Libertadores.