<
>

Vitória derrota o Criciúma e deixa a lanterna da Série B provisoriamente

Pietro Carpi/EC Vitória

O Vitória deixou provisoriamente a lanterna da Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta sexta-feira, o rubro-negro baiano recebeu o Criciúma no Barradão, pela 10ª rodada, e venceu pelo placar de 2 a 0. Os dois gols foram marcados pelo centroavante Anselmo Ramon.

Com o resultado, o Vitória chega a sete pontos conquistados e ocupa, no momento, a 18ª colocação. Guarani e América-MG, ambos com cinco pontos, ainda jogam na rodada. O Criciúma, por sua vez, cai para a 13ª posição com 12 pontos, mesmo número de Brasil de Pelotas e Cuiabá, que ficam na frente por conta dos critérios de desempate.

Agora, ambos os clubes entram em campo pelo Brasileirão na terça-feira, dia 23, às 21h30 (de Brasília). Os baianos visitam o Londrina no Estádio do Café, enquanto os catarinenses enfrentam o CRB no Estádio Rei Pelé.

O jogo

O confronto começou com o Vitória superior ao Criciúma, chegando mais perto do gol. A primeira boa chance veio aos 12 minutos, em cobrança de falta de Felipe Gedoz. O camisa 10 bateu forte por cima da barreira, mas mandou para fora, perto da meta catarinense. Três minutos depois, Chiquinho passou para Gedoz, que tocou de primeira para Anselmo Ramon na entrada da área. O centroavante girou bem e chutou rasteiro pela linha de fundo, levando perigo ao Carvoeiro mais uma vez.

O Criciúma respondeu aos 20 minutos da primeira etapa. Em jogada individual, Vinicius ajeitou para a perna direita e arriscou a finalização de fora da área. Contudo, o atacante jogou para fora, à direita do gol de Martín Rodríguez.

Então, a partida ficou mais equilibrada e as oportunidades passaram a ser mais raras. O último lance de perigo da primeira etapa veio dos pés do lateral-esquerdo Marlon. Aos 43 minutos, o jogador encheu o pé em cobrança de falta e mandou rente à trave esquerda do rubro-negro.

Na volta do intervalo, o Vitória mostrou mais intensidade e retomou o domínio do jogo. E, aos 15 minutos, Wesley desperdiçou uma grande chance. Felipe Gedoz girou e achou o camisa 11 no meio da área. Completamente livre, o atacante pegou mal na bola e mandou pela linha de fundo.

Aos 20, Anselmo Ramon mostrou vontade e oportunismo para colocar o Vitória na frente. O camisa 9 aproveitou vacilo de Derlan, recuperou a posse e saiu na cara de Luiz. De frente para o arqueiro, ele bateu rasteiro e tirou o zero do placar.

Seis minutos depois, Anselmo Ramon, de novo, ampliou a vantagem do Vitória. Matheus Rocha cruzou pelo lado direito e o centroavante se esticou todo para completar de peixinho para o fundo da rede, dando números finais à partida e garantindo o segundo triunfo do clube baiano no Brasileirão.

FICHA TÉCNICA:
VITÓRIA 2 X 0 CRICIÚMA

Local: Estádio Manoel Barradas, em Salvador (BA)
Data: Sexta-feira, 19 de julho de 2019
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Adriano Milcvski (PR)
Assistentes: Luiz H Souza Santos Renesto (PR) e Jefferson Cleiton Piva da Silva (PR)
Cartões amarelos: Wesley, Anselmo Ramon e Léo Gomes (Vitória); Marcos Vinícius, Platero, Eduardo, Liel e Caíque (Criciúma)
Gols: Anselmo Ramon, aos 20 minutos do segundo tempo; Anselmo Ramon, aos 26 minutos do segundo tempo (Vitória)

VITÓRIA: Martín Rodriguez, Matheus Rocha, Ramon, Everton Sena e Chiquinho; Baraka, Léo Gomes, Felipe Gedoz (Lucas Cândido) e Ruy (Nickson); Wesley (Thiaguinho) e Anselmo Ramon. Técnico: Osmar Loss

CRICIÚMA: Luiz; Marcos Vinícius, Platero, Derlan e Marlon; Jean Mangabeira (Bruno Cosendey), Liel, Eduardo (Caíque) e Reis; Vinicius (Julimar) e Léo Gamalho. Técnico: Gilson Kleina