<
>

Arrascaeta repete feito de Neymar, quebra recorde e entra na seleção da Bola de Prata ESPN do Brasileirão 2019

Autor de três gols e duas assistências na goleada do Flamengo por 6 x 1 sobre o Goiás, no domingo, o uruguaio Arrascaeta ganhou 60 posições e entrou para a seleção do 50º Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet. A ótima atuação do atacante rubro-negro lhe rendeu a nota 10 dos jornalistas e a pontuação recorde de 9,22 no Algorítimo DataESPN - é, portanto, a maior nota desde que foi implementado esse sistema de pontuação, em 2017.

É também a primeira nota 10 de jornalistas desde 2012, quando Neymar recebeu o 10 após a goleada do Santos sobre o Cruzeiro por 4 x 0, no Independência (fez três gols e deu uma assistência).

Após a goleada do Flamengo, outro jogador que subiu muito foi o centroavante Gabriel, autor de dois gols e três assistências. Artilheiro isolado do Brasileirão com 7 gols, Gabigol agora é o Bola de Ouro da Série A 2019, deixando Dudu, do Palmeiras, para trás. O rubro-negro, aliás, conta agora com quatro jogadores na seleção da Bola de Prata contra seis do líder Palmeiras e um do vice-líder Santos.

A seleção do Bola de Prata após a 10ª rodada ficou assim: Weverton (Palmeiras), Marcos Rocha (Palmeiras), Gustavo Gómez (Palmeiras), Rodrigo Caio (Flamengo) e Jorge (Santos); Felipe Melo (Palmeiras), Bruno Henrique (Palmeiras) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Arrascaeta (Flamengo), Dudu (Palmeiras) e Gabriel (Flamengo).

Desde 2017, o prêmio conta com a pontuação composta por 40% de estatísticas (o Algoritmo DataESPN) + 60% das notas dos jornalistas.

O time da rodada

Além de Arrascaeta, outros dois jogadores do Flamengo também se destacaram: o centroavante Gabriel, autor de dois gols e três assistências, e o meia Éverton Ribeiro, que ficaram entre os cinco maiores pontuadores. Completando o top-5 da rodada, entraram o centroavante Wellington Paulista, que fez os dois gols do Fortaleza na vitória sobre o Avaí por 2 x 0, e o atacante Pepê, do Grêmio, que também fez dois gols na vitória de virada sobre o Vasco por 2 x 1, no sábado.

Nessa 10ª rodada, o time ideal do Bola de Prata foi o seguinte: Felipe Alves (Ceará), Leonardo Moura (Grêmio), Tiago Alves (Ceará), Lucas Veríssimo (Santos) e Trauco (Flamengo); Gustavo Bochecha (Botafogo), Bruno Guimarães (Athletico-PR) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Arrascaeta (Flamengo), Pepê (Grêmio) e Gabriel (Flamengo).

Veja os melhores de cada posição na disputa do prêmio: