<
>

Árbitro da final da Copa América rompe o silêncio e fala de pênaltis: 'Fizemos justiça, que era o mais importante'

play
Arnaldo pesa polêmicas na Copa América, diz que título foi 'trivial' e lamenta: 'VAR com árbitro ruim é um assassinato para o futebol' (2:12)

'Conquista previsível'; avaliou o comentarista no Linha de Passe (2:12)

Árbitro da final da Copa América, o chileno Roberto Andrés Tobar Vargas falou sobre sua atuação na conquista do Brasil do último domingo. Em sua chegada ao Chile, ele comentou sobre o jogo que teve marcações polêmicas de pênaltis tanto para a seleção brasileira quanto para o Peru, além da expulsão de Gabriel Jesus.

“Estou muito contente. Fomos muito preparados, muito bem, foi uma boa atuação na Copa América”, afirmou em entrevista à Fox Sports.

“Veja, sobre essas decisões técnicas que tomamos não posso falar, mas ficamos muito satisfeitos com o trabalho realizado. Fizemos justiça, o que era mais importante. Se falou muito que estava tudo arranjado, mas saímos tranquilos. Foi muito boa a final”, disse.

Roberto Tobar também deu sua opinião sobre o árbitro de vídeo, utilizado pela primeira vez na competição sul-americana e que também foi alvo de muitas críticas.

“Vai ser muito importante, uma ajuda que vai ser ajustada aos poucos. A medida que passarem os meses va se ajustando, o tempo, as tomadas de decisões certeiras”, avaliou.