<
>

Em Cingapura, Cristiano Ronaldo diz em evento para crianças: 'Nunca se rendam'

O atacante português Cristiano Ronaldo lembrou nesta quinta-feira em Cingapura, onde participou de um ato com crianças patrocinado pela Fundação Olímpica da cidade-estado, o quanto era humilde quando começou a jogar e pediu aos jovens que lutem pelos seus sonhos.

"Eu venho de uma família humilde, mas que sempre me deu oportunidades. Minha mãe e meu pai me diziam, se quiser tentar, lute por isso (...) tentei minha sorte e consegui", declarou o astro de futebol rodeado de cerca de mil estudantes do ensino fundamental, com os quais chegou trocar passes.

"A parte mais difícil foi ter que deixar minha família (...) Foi muito complicado, chorei algumas vezes. Foi duro", confessou o jogador da Juventus.

"Nada é fácil se não se trabalha e se concentra nisso. Nunca pensei em deixar este maravilhoso esporte. Qualquer coisa que queiram ser, seja jogador de futebol ou médico, acreditem em seus sonhos, porque tudo é possível. Nunca se rendam", disse o atleta.

Cristiano Ronaldo, de 34 anos, foi ao evento como convidado pelo magnata cingapuriano Peter Lim, máximo acionista do Valencia e um dos principais filantropos da fundação olímpica de Cingapura.