<
>

Após Liverpool x Barcelona na Champions, Suárez diz que viveu 'pior momento da vida'

play
Copa América: Treino 'muito louco' arranca risadas de jogadores do Uruguai (1:06)

Seleção celeste se prepara para a estreia contra o Equador, neste domingo, no estádio do Mineirão (1:06)

Atacante do Barcelona e da seleção uruguaia, Luis Suárez disse que a eliminação do Barcelona nas mãos do Liverpool na última edição da Uefa Champions League foi tão dolorosa quanto a sua expulsão na Copa do Mundo de 2014 após morder o italiano Chiellini.

O Barcelona estava certo de que chegaria à final da competição de clubes mais importante do mundo pela primeira vez desde 2015 após vencer a partida de ida por 3 a 0, mas o Liverpool acabou fazendo 4 a 0 e mandou o time espanhol para casa.

"Os dias seguintes, lá em Barcelona, foram os piores momentos da minha vida junto com a Copa do Mundo de 2014; eu queria desaparecer do mundo", disse o atacante uruguaio para a Fox Sports Argentina. Vale lembrar que Suárez ficou suspenso do futebol por quatro meses após o problema com Chiellini.

"Eu não queria levar meus filhos para a escola, todos conseguiam ver que eu estava muito mal. Tinha dias em que eu não queria fazer nada... foram momentos duros", declarou.

A derrota por 4 a 3 no placar agregado para o Liverpool veio um ano depois de o Barcelona tomar uma virada de três gols de vantagem para a Roma, na Champions League do ano anterior.

Suárez, no entanto, disse que não imaginava que a mesma história fosse se repetir quando ele e seus companheiros chegaram em Anfield. Afinal, um gol do Barcelona significava que o Liverpool teria de fazer cinco.

"Eu não imaginava porque nós somos o Barcelona, e eu pensei que teríamos, pelo menos, duas ou três chances de marcar; essa era a nossa mentalidade, mas ficamos nervosos, erramos passes estúpidos e não tivemos a atitude correta", disse Suárez.

"Quando saiu o primeiro gol, nós não sabíamos o que fazer, nós só sabíamos que estávamos ferrados. Depois do jogo, no vestiário, ninguém falava nada; estávamos tristes e desapontados pela imagem que tínhamos deixado."

Dias depois da derrota para o Liverpool, Suárez passou por uma cirurgia para resolver um problema de longa data no joelho para que ficasse saudável a tempo da disputa da Copa América.

O Uruguai é o país que mais venceu a competição, com 15 títulos. A primeira partida de Suárez e companhia será contra o Equador, no domingo.