<
>

Marra? Próximo de perder De Ligt, Barcelona diz que 'falta humildade' a zagueiro de 19 anos, diz jornal

play
Van Dijk? Piqué? Marquinhos? Futebol na Veia elege 'melhores zagueiros do mundo' (1:54)

Comentaristas avaliaram o lugar dos brasileiros entre os destaques mundiais de cada posição (1:54)

Barcelona vê Matthijs De Ligt, seu principal alvo na janela de transferências, praticamente "perdido" após investidas salariais milionárias de Juventus e PSG pelo holandês.

"O problema que estamos enfrentando com De Ligt é a humildade". Esse é o diagnóstico que o jornal Mundo Deportivo ouviu de fontes do clube catalão sobre o holandês.

"De acordo com alguns participantes da negociação, De Ligt não tem a atitude de um garoto de 19 anos que está começando a ser reconhecido no futebol de elite. Essa atitude um tanto arrogante o ajuda em campo a jogar sem complexos contra os rivais mais poderosos. É, por exemplo, o que se viu frente a frente com nomes como Cristiano Ronaldo, Mbappé ou Harry Kane. É claro que, fora do campo de Ligt, mantém aquele tom de ultrasseguro de si mesmo e que exige mais de quem quer levar seus serviços", diz o periódico.

O zagueiro deseja um clube no qual irá jogar tanto quanto agora (ele é o capitão do Ajax e titular em sua seleção) e que será pago em um nível mais alto do que sua idade e currículo.

"Além disso, o tom de sua personalidade ambiciosa já é marcado pela escolha de seu agente: Mino Raiola. De Ligt quer ganhar mais do que seu amigo De Jong, que trocou o Ajax pelo Barça, vai faturar".

A diretoria catalã negociava com o zagueiro de 19 anos desde fevereiro e acreditava que os 6 milhões de euros anuais (R$ 26 milhões) e aumentos graduais a cada ano das cinco temporadas de contrato (mesmo contrato oferecido a Frankie de Jong) seriam suficientes para concretizar a negociação, mas não contavam com a grande Champions League que chamou a atenção de outros gigantes europeus.

O Barça não pretende aumentar a proposta e "espera que o jogador tome sua decisão baseado no que está em cima de sua mesa", conta com a amizade com De Jong e por "sempre ter declarado a prioridade em vestir a camisa blaugrana".

No entanto, as propostas são bem altas: a Juventus ofereceu 10 milhões de euros (R$ 43 milhões) por ano ao zagueiro, praticamente assegurou a titularidade no time durante o projeto para voltar a conquistar a Champions League e utilizaram Cristiano Ronaldo como trunfo para "conquistar" De Ligt.

A outra proposta em cima da mesa de De Ligt chegou da França para seu agente Mino Raiola e, como de costume, o PSG não economizou ao oferecer 12 milhões de euros (R$ 52 milhões) por temporada ao holandês.

Desde que as propostas chegaram, não houveram mais conversas entre Mino Raiola, De Ligt e Barcelona.