<
>

Santos domina o Corinthians na Vila e dorme na liderança do Brasileiro

Com uma performance avassaladora, o Santos venceu o Corinthians na Vila Belmiro nesta quarta-feira por 1 a 0, em duelo válido pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O gol do Santos foi marcado por Eduardo Sasha, aos 14 minutos do segundo tempo. Esse foi o quinto gol do atacante no Brasileiro, empatando na artilharia da competição com Gabigol, do Flamengo.

O triunfo pelo placar mínimo pode não dar a dimensão exata do que foi a performance dos dois times. Mas, em campo, o Corinthians quase não conseguiu criar nada, enquanto o Santos dominou a posse de bola e chutou 18 vezes ao gol de Walter, contra apenas duas finalizações corintianas no jogo inteiro.

Com este resultado, o Santos vai aos 20 pontos e dorme na liderança do Campeonato Brasileiro.

Porém, o Palmeiras joga na quinta-feira e ainda pode recuperar mais três pontos da vitória no campo contra o Botafogo, que terá um desfecho na semana que vem.

O Corinthians segue com 12 pontos, na 10ª colocação.

O JOGO

Diferentemente do habitual, o Santos teve as linhas baixas no início do jogo. O Corinthians ficava mais com a bola e o Santos oferecia perigo nas escapadas de Diego Pituca e Jean Lucas.

O Santos teve boas oportunidades, mas nenhuma clara. Finalizações de Jean Lucas e Marinho fora da área, chute travado de Eduardo Sasha… Enquanto isso, o rival não finalizou uma vez sequer.

Nos minutos finais, o Santos melhorou ainda mais quando adiantou o time e passou a pressionar os zagueiros do Corinthians. O time da casa, porém, não aproveitou a “blitz” dos últimos lances antes do intervalo, momento de homenagem para Rodrygo, com vídeo no telão de ex-companheiros, Elano e Robinho. O atacante atuará pelo Real Madrid no segundo semestre.

SEGUNDO TEMPO

Aos 10 minutos, Soteldo chutou, a bola bateu em Henrique e resvalou na barriga de Manoel dentro da área. O árbitro acionou o VAR e, corretamente, não marcou pênalti. Na sequência, Soteldo cruzou, Marinho cabeceou para o meio e Ralf tirou.

E no minuto 13, o Corinthians não pôde mais resistir. Marinho tocou para Pituca, a bola passou por Jorge e Soteldo cruzou. Jorge não dominou e a bola sobrou limpa para Eduardo Sasha, de canhota, deixar Walter parado e balançar a rede. O lance do gol santista ocorreu quando Ralf estava fora do campo, atendido pelo departamento médico após pancada de Jean Lucas.

O jogo perdeu em emoção depois do gol do Santos e o Corinthians só criou algo aos 32 minutos, quando Clayson teve falta frontal, na meia-lua, e chutou para fora. Nos minutos finais, o Santos soube se defender, ainda teve bola na trave de Eduardo Sasha e garantiu a vitória e a liderança provisória do Brasileirão.

FICHA TÉCNICA:
Santos 1 x 0 Corinthians

Data: 12 de junho de 2019
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos (SP)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Carlos Berkenbrock (SC)
VAR: Bruno Arleu de Araujo (RJ)
Público e renda: 11.831/R$ 438.955,00
Cartões amarelos: SANTOS: Felipe Aguilar, Eduardo Sasha, Gustavo Henrique e Victor Ferraz. CORINTHIANS: Danilo Avelar, Bruno Méndez, Clayson e Fabio Carille.
GOL: Santos: Eduardo Sasha, aos 13 minutos do 2T;

SANTOS: Everson, Victor Ferraz, Felipe Aguilar, Gustavo Henrique e Jorge; Alison (Carlos Sánchez), Diego Pituca e Jean Lucas (Felipe Jonatan); Marinho (Luiz Felipe), Soteldo e Eduardo Sasha Técnico: Jorge Sampaoli

CORINTHIANS: Walter; Bruno Méndez, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Júnior Urso (Sornoza); Ramiro (Gustagol), Jadson (Everaldo) e Clayson; Vagner Love Técnico: Fábio Carille