<
>

Porto é condenado a pagar multa milionária ao Benfica por vazamento de e-mails

O Porto foi condenado nesta sexta-feira a pagar dois milhões de euros ao Benfica por ter divulgado e-mails do clube rival, o que, segundo a Justiça portuguesa, prejudicou a imagem da equipe de Lisboa e consequentemente a sua situação financeira.

O chamado "caso dos e-mails" ocorreu em junho de 2017, quando dirigentes do Porto divulgaram e-mails trocados entre antigos árbitros e Pedro Guerra, diretor de conteúdos da Benfica TV. Os dirigentes dos 'Dragões' afirmaram que essas mensagens comprovavam a existência de um esquema de corrupção na arbitragem para favorecer o Benfica, que nos últimos cinco anos ganhou quatro vezes o Campeonato Português.

Com esse argumento, o Porto defendeu na Justiça que a divulgação dos e-mails era de "interesse público". Mas quem levou a melhor nos tribunais foi o Benfica, que denunciou que teve a imagem prejudicada e deixou de faturar 20 milhões de euros como consequência da divulgação.

Inicialmente, os 'Encarnados' exigiam uma indenização de 17 milhões de euros do Porto, que acabou sendo condenado a pagar dois milhões e já anunciou que recorrerá à sentença.