<
>

Juventus: Diretor negocia possibilidade de vender Dybala; Manchester United é o maior interessado

play
Juventus: Cristiano Ronaldo deixa zagueiro no chão e faz golaço no treino (0:16)

Craque português foi convocado para disputa da Liga das Nações esta semana e se prepara para a última rodada do Italiano, contra o Sampdoria (0:16)

Com muitos rumores sobre a saída de Paulo Dybala da Juventus após uma temporada "indiferente" com a chegada de Cristiano Ronaldo, o diretor esportivo da equipe, Fabio Paratici, fez questão de insistir na permanência do jogador para a próxima temporada - dependendo do novo treinador.

"Ele é um dos nossos jogadores, temos confiança nele. O investimento que fizemos há quatro anos e a renovação do contrato são uma prova disso", afirmou Paratici.

Dybala, quando perguntado sobre seu futuro, respondeu: "Eu falei com o clube e com Fabio, eles sabem o que eu acho. Eu quero ficar na Juventus na próxima temporada, quero continuar jogando aqui".

"É óbvio que a Juventus faz suas escolhas, também baseadas no novo técnico que irá chegar. No entanto, eu quero continuar aqui", finalizou o camisa 10.

O jogador foi convocado para disputar a Copa América no Brasil mesmo tendo marcado apenas 10 gols durante toda a temporada, somando todas as competições, e terminando no banco de reservas sob o comando de Massimiliano Allegri.

Os números da temporada e o modo como ela terminou deram início a rumores que Dybala estaria na lista de grandes clubes da LaLiga e da Premier League, principalmente da "reconstrução" do Manchester United - sonho antigo da diretoria.

Há algumas semanas, o irmão do meia "revelou" problemas entre o camisa 10 e Cristiano Ronaldo e que "existem grandes chances de ele sair. Ele precisa de uma mudança".

Perguntado sobre as afirmações, Dybala afirmou: "As declarações do meu irmão? Ele fala por si mesmo".