<
>

Terry x Lampard e vaga na Premier League marcam o jogo que oferece maior 'prêmio' financeiro no mundo dos esportes

O jogo que mais tem dinheiro em jogo no futebol. Ou melhor, em qualquer esporte.

Esta é a realidade que irão encontrar Derby County e Aston Villa quando entrarem no gramado no Estádio de Wembley, nesta segunda-feira, às 11h (de Brasília). A partida única, válida pelos playoffs da Championship, a segunda divisão inglesa, tem transmissão da ESPN Brasil e WatchESPN.

O time que sair vitorioso, além de conseguir a última vaga na Premier League em 2019-20, irá assegurar uma quantia de 170 milhões de libras, o que equivale a mais do que três vezes a premiação combinada da Champions League, da Premier League e da Copa da Inglaterra.

O campeão do Super Bowl, por exemplo, lucra US$ 6,25 milhões; o vencedor das Finais da NBA ganha US$ 3,3 milhões; e o time que conquista a World Series embolsa US$ 30,4 milhões.

O valor absurdo que entrará nos cofres de Aston Villa ou Derby County se dá por conta dos grandes valores destinados aos integrantes da primeira divisão inglesa, graças aos acordos de transmissão no mundo tudo que totalizam mais de 5 bilhões de libras no período de três anos.

Cada equipe ganha 79,4 milhões de libras em uma temporada na Premier League, apenas por estar lá. A maior quantidade de vezes que um clube está na televisão, mais dinheiro recebe, enquanto que as posições na classificação permitem um valor a mais.

O Huddersfield Town recebeu 93,3 milhões de libra sem 2018-19, mesmo tendo sido o lanterna. Além disso, para as duas temporadas seguintes, eles têm a receber um total de 75 milhões de libras com base no chamado “pagamentos paraquedas”, o que ameniza a redução financeira para a equipe que deixa a Premier League.

Mesmo que termine na última colocação na próxima edição da Premier League, o Villa ou o Derby vai garantir pelo menos 170 milhões de libras com uma vitória em Wembley.

Se o elemento financeiro não traz atrativos o bastante para acompanhar a partida, no gramado – ou à beira dele – há um duelo que chama atenção de qualquer fã do futebol inglês, sobretudo os do Chelsea.

De um lado, John Terry é auxiliar técnico do Aston Villa; do outro, Frank Lampard é o técnico do Derby County.

O ex-zagueiro foi nomeado para a função em outubro, assim como o técnico Dean Smith. A equipe fazia uma campanha ruim na Championship, mas se recuperou com a dupla e foi entrar na zona de playoffs na 39ª rodada, algo que não conseguia desde a quinta jornada da competição.

Já o ex-meio-campista foi anunciado como técnico do Derby nesta temporada, assinando um contrato de três anos. Ele viu seu time ficar próximo ou dentro da zona de playoffs durante o campeonato inteiro. De quebra, eliminou o Manchester United nos pênaltis, em pleno Old Trafford, pela terceira fase da Copa da Liga Inglesa.

Juntos, Terry e Lampard ganharam três edições da Premier League, quatro da Copa da Inglaterra, uma da Champions League, uma da Liga Europa, entre outros títulos, com o Chelsea. Agora, voltam a estar presentes em um dos jogos mais emblemáticos do futebol. Só que de lados opostos.