<
>

Neymar fica fora e vê Mbappé e 4 brasileiros em lista dos melhores da história do PSG

play
Para Muricy, Neymar precisa focar mais em campo e repensar o objetivo de ser melhor do mundo (1:38)

O ex-técnico também afirmou que o craque brasileiro deveria ser mais cobrado pelas pessoas próximas: 'Se ficar todo mundo concordando, a gente não cresce'. (1:38)

O L’Équipe, principal jornal esportivo da França, elegeu os 11 melhores jogadores da história do Paris Saint-Germain. Com Mbappé e quatro brasileiros, a seleção não conta com a presença de Neymar. O atual camisa 10 do clube e da seleção brasileira ficou fora do time ideal para a entrada de um nome desconhecido do público, o argelino Mustapha Dahleb.

Após uma temporada conturbada e marcada mais pelas polêmicas do que pelo futebol apresentado, a ausência na lista é mais uma dor de cabeça para o atacante, maior contratação da história da equipe parisiense. Às vésperas da Copa América, ele tem sido cada vez mais questionado pelos torcedores, seja do PSG ou da seleção.

Além de ficar de fora da lista, Neymar ainda teve que ver seu companheiro de ataque e frequentemente alvo de comparações, Mbappé, abocanhar um lugar entre os 11, assim como seu parceiro de seleção Thiago Silva. Além do zagueiro, os outros brasileiros selecionados foram Ricardo Gomes, Maxwell e Raí.

A seleção do L’Équipe ficou assim: Bernard Lama, Jean-Luc Sassus, Thiago Silva, Ricardo Gomes e Maxwell; Luis Fernandes, Raí e Safet Susic; Mustapha Dahleb, Mbappé e Ibrahimovic.