<
>

Espanha: Cazorla volta à seleção após oito cirurgias e quase amputar o pé

Poucas pessoas sofreram tanto na história do futebol quanto Santi Cazorla.

O meio-campista passou por oito cirurgias no tornozelo direito machucado desde 2013 - período em que esteve no Arsenal -, sendo que o problema quase lhe custou a amputação do pé por causa de gangrena e infecção que lhe "comeu" oito centímetros do tendão de Aquiles.

A volta para onde tudo começou, o Villarreal, nesta temporada fez bem ao jogador, que retornou aos gramados após quase dois anos parado e tem atuado consistentemente por LaLiga. E agora, a recompensa.

Nesta sexta-feira, Cazorla foi chamado para a seleção espanhola pela primeira vez desde outubro de 2015.

Ele atuará contra as seleções de Ilhas Faroé e Suécia nos dias 7 e 10 de junho, respectivamente, pelas eliminatórias à Eurocopa de 2020.

No Twitter, o Villarreal celebrou - e muito - a convocação:

No total, Cazorla participou de 77 partidas e marcou 14 gols, conquistando duas Eurocopas (2008 e 2012).