<
>

Kepa é multado pelo Chelsea após confusão com Sarri: 'Cometi um grande erro em como conduzi a situação'

A confusão causada pelo goleiro Kepa, que se recusou a ser substituído nos minutos finais da prorrogação do jogo entre Chelsea e Manchester City, neste domingo, na final da Copa da Liga Inglesa, finalmente teve um desfecho. O clube londrino anunciou nesta segunda-feira, através de seu site oficial, que o atleta será multado, perdendo uma semana de seu salário, em dinheiro que será doado à Fundação do Chelsea.

Kepa, contratado no início da temporada como o goleiro mais caro da história do futebol, deixando o Athletic Bilbao por incríveis 80 milhões de euros, também deu suas explicações sobre o que aconteceu ao final da partida, admitindo que errou, pedindo desculpas a todos os seus companheiros e dizendo ainda que aceita qualquer tipo de multa da direção do clube.

"Eu estava muito feliz em jogar a minha primeira final pelo Chelsea ontem e muito preocupado com a performance do time. Eu pensei muito sobre o que aconteceu ontem. Tudo não passou de um mal-entendido. Refletindo, vi que cometi um grande erro em como conduzi a situação. Eu precisava aproveitar o dia de hoje para pedir desculpas ao técnico, a Willy (Caballero), aos meus companheiros e também ao clube. Feito isso, eu quero pedir desculpas aos torcedores. Eu vou aprender com esse episódio e aceitar a punição disciplinar que o clube decidir que é apropriada", afirmou, ao site oficial do Chelsea.

Outro que comentou sobre o caso foi Maurizio Sarri, que garantiu que, para ele, o caso já faz parte do passado. "Kepa e eu conversamos sobre o episódio. Foi uma boa conversa. Foi um mal-entendido ontem, mas ele admitiu que cometeu um grande erro na maneira como reagiu ao caso. Ele pediu desculpas a mim, seus companheiros e o clube. É um direito do clube decidir se deve punir o jogador, mas para mim esse episódio está fechado. A performance do time foi extremamente positiva e é uma pena ver como esse incidente ofuscou nossos esforços em uma final muito equilibrada. O foco de todos agora está no próximo jogo e todos nós devemos deixar isso para trás", completou.

Já com o episódio superado, o Chelsea se prepara agora para o duelo com o Tottenham, na próxima quarta-feira, pela Premier League. A partida, marcada para 17h, terá transmissão dos canais ESPN e também do WatchESPN.