<
>

Após gol histórico, prodígio paraguaio de 14 anos é blindado e proibido de dar entrevistas

Fernando Ovelar comemora ao marcar para o Cerro Porteño diante do Olimpia EFE

Depois de marcar um gol no principal clássico de seu país, o jovem Fernando Ovelar, de apenas 14 anos, foi blindado pelo Cerro Porteño.

O canhoto, que abriu o placar no empate em 2 a 2 com o Olímpia, voltou aos treinamentos junto com os companheiros nesta quarta-feira, foi para o campo trabalhar normalmente, mas está evitando o contato com a imprensa.

Segundo o ABC, do Paraguai, a recomendação para evitar entrevistas veio do técnico Fernando Jubero, que orientou o garoto a “não se expor e viver o momento com uma maior tranquilidade”.

Fernando Ovelar já havia estreado no Cerro Porteño em fevereiro, mas anotou seu primeiro gol com exatos 14 anos e 302 dias, o mais jovem jogador a marcar na história do clássico e também na elite do futebol paraguaio.

Segundo Alexis Martín-Tamayo, conhecido como MisterChip no Twitter, ele não é o mais jovem a marcar por um campeonato de primeira divisão no futebol mundial, ficando atrás do armeno Armen Ghazaryan, que fez com 14 anos e 215 dias.