<
>

São Paulo: Ceni critica árbitro na Sul-Americana: '3 expulsos nossos e ele dando abraços, beijos, nos jogadores deles'

play
Rogério Ceni vê São Paulo muito prejudicado contra a Universidad Católica: 'O árbitro dá beijos nos jogadores deles' (1:13)

Apesar do placar elástico, o jogo foi cercado de drama porque o São Paulo teve três expulsos no segundo tempo. (1:13)

Time de Rogério Ceni abriu boa vantagem, apesar de ter se complicado com expulsões


Jogando fora de casa no duelo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana, o São Paulo venceu a Universidad Católica por 4 a 2 nesta quinta-feira.

Apesar do placar elástico, o jogo foi cercado de drama porque o São Paulo teve três expulsos no segundo tempo.

Na entrevista coletiva após o jogo, Rogério Ceni criticou o árbitro uruguaio Christian Ferreyra pelas expulsões no mínimo polêmicas aos atletas do São Paulo.

"As expulsões...quando se trata de campeonatos organizados pela Conmebol, não se pode falar porque são circunstâncias que se voltam contra você. A verdade é que vimos o que aconteceu no campo, a primeira expulsão foi uma vergonha", disse Ceni.

"Não podemos falar de arbitragem, mas temos que repensar. Temos que ter mais força na confederação sul-americana. Lembro que há anos tinha mais força, hoje não temos e sofremos muito. No final da partida, quando você vai cumprimentar o árbitro, ele está dando beijos nos jogadores deles. Isso pode, é respeitoso, mas não sei...3 expulsos nossos e abraços, beijos neles. Um membro da nossa comissão técnica vai cumprimentar e fala: 'Não, você eu não cumprimento'", completou.