<
>

Novo estádio ou Maracanã? Bandeira de Mello responde e revela se volta ao Flamengo

Ex-presidente do Flamengo deu sua opinião sobre uma possível construção de um novo estádio


Eduardo Bandeira de Mello, ex-presidente do Flamengo, esteve em uma premiação na última terça-feira (28), no Rio de Janeiro. Em contato com repórteres presentes no local, o antigo mandatário foi perguntado sobre uma possível preferência entre o Maracanã ou um hipotético novo estádio ao clube da Gávea.

Nos últimos dias, o velho assunto voltou a ser pauta internamente no Flamengo. Rodolfo Landim, atual presidente do clube, tem até mesmo uma reunião agendada com Eduardo Paes, prefeito do Rio de Janeiro, sobre uma possível construção de um estádio no Parque Olímpico.

"Minha preferência é pela licitação e concessão do Maracanã no longo prazo, de 35 anos, tendo a segurança jurídica e econômica pro concessionário que eu espero que seja o Flamengo. Se o Flamengo for o concessionário do Maracanã, não precisa pensar em outro estádio”.

“Na época da Ilha do Urubu partimos para aquela solução, pois estavam impedindo o Flamengo de jogar no Maracanã. "Acho que tem que ser uma licitação, com regras iguais para todo mundo. Quem conseguir ter solidez financeira para suportar os custos, parabéns".

Bandeira ainda não escondeu o desejo de ver o Flamengo atuar no Maracanã, sem a necessidade de construir um novo estádio. "A gente joga no Maracanã há 72 anos, sempre foi a casa do Flamengo. Impossível imaginar o Maracanã sem o Flamengo".

Bandeira ainda deixou em aberto um possível retorno ao Flamengo como cartola. Apesar de dizer ‘não’ sobre uma volta, o ex-presidente disse que quer ‘retomar os velhos valores’ da chamada Chapa Azul, dando a entender que poderá figurar novamente internamente na Gávea.

“Não, tenho outros planos. Eu pretendo participar de um projeto, criar um grupo e retomarmos aqueles princípios e valores da velha Chapa Azul”.