<
>

Por que Abel Ferreira não tem presença garantida em São Paulo x Palmeiras mesmo com teste negativo para COVID-19

ESPN.com.br consultou o Palmeiras, que aguardará até o último momento para contar com o treinador português em campo


O Palmeiras segue na tentativa de liberação para que o técnico Abel Ferreira possa estar presente no banco de reservas da equipe, no Morumbi, para o clássico contra o São Paulo, nesta quinta-feira (23), às 20h, pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

O ESPN.com.br consultou o Palmeiras, que ainda segue em contato com a CBF no aguardo de uma confirmação para a presença de Abel Ferreira. O clube aguardará até a saída da delegação para o Morumbi para saber se poderá ou não contar com o português.

Abel Ferreira testou negativo para a COVID-19 na última quarta-feira (22), mas a CBF não autorizou que o técnico fosse ao estádio para o duelo desta noite.

O protocolo da CBF pede sete dias de isolamento a partir do exame positivo, segundo o “Guia Médico de Medidas Protetivas para o Futebol Brasileiro”. E como Abel positivou no último sábado (18), não poderia estar em campo nesta quinta.

O regimento, no entanto, não obriga mais que jogadores e membros da comissão técnica realizem o teste antes dos jogos se tiverem assintomáticos.

Com isso, como estão sem sintomas, os 22 atletas não serão testados e poderão ir para a partida, ao contrário de Abel, que já está negativo para a doença.

Abel acompanhou o treino da tarde desta quarta-feira (22). Segundo nota oficial do Palmeiras, o treinador ''respeitou todos os protocolos do Ministério da Saúde".