<
>

Técnico do Flamengo, Paulo Sousa 'culpa' jogadores por atuação 'muito fraca': 'Todas as decisões foram erradas'

Time rubro-negro perdeu por 2 a 1 para o Fortaleza, em pleno Maracanã lotado, pelo Campeonato Brasileiro


O Flamengo voltou a tropeçar pelo Brasileirão. Neste domingo (5), o time rubro-negro foi derrotado por 2 a 1 pelo Fortaleza, no Maracanã lotado, pela 9ª rodada do campeonato.

Robson balançou as redes para o time cearense no primeiro tempo. Hércules fez o segundo já nos acréscimos. Everton Ribeiro descontou para o Fla. E ainda teve Pedro cobrando um pênalti na trave quando o placar ainda estava 1 a 1.

Com o resultado negativo, o técnico Paulo Sousa voltou a ser alvo de protestos por parte da torcida, que vaiou e pediu a demissão do português. Após o jogo, o treinador foi questionado sobre a atuação abaixo do Flamengo no Maracanã e foi reto e direto ao direcionar a 'culpa' às decisões individuais erradas durante a partida, se referindo aos jogadores.

"Analisando bem o que nos aconteceu, sem dúvida, todas as decisões individuais foram erradas. Todas. Coisas simples, quase sem pressão, precipitação, passes que deram a oportunidade ao nosso adversário no primeiro tempo. Não só concretizarem o gol, mas poderem ter mais duas oportunidades claras. A informação completamente errada. E depois, eu desde início sei a exigência que o Flamengo tem, e que exige, sei a importância de termos coragem de haver momentos de não agradar, como também sei que Deus nunca nos deu um espírito de covardia. Nos momentos mais difíceis, que temos que ser mais convictos, de forma a podermos superar as dificuldades. E penso que aquilo que aconteceu hoje, em termos técnicos, individualmente, foi algo sem precedente, e não vai acontecer. Foi realmente muito fraco, individualmente, o que o jogo nos deu", disse, durante a entrevista coletiva.

Com a derrota, o Flamengo segue com 12 pontos, ocupa o 10° lugar e ainda fora do G-4, agora a dois pontos do Coritiba, que é o 4° colocado.

O Rubro-Negro volta a campo, pela 10ª rodada do Brasileirão, na próxima quarta-feira (8), a partir das 20h30, para partida fora de casa contra o Red Bull Bragantino.