<
>

Premier League: Manchester City confirma agressão a goleiro do Aston Villa após título inglês; clube abriu 'investigação imediata'

O Manchester City confirmou que Robin Olsen, goleiro do Aston Villa, foi agredido após o fim da partida entre as equipes no Etihad Stadium, pela 38ª rodada da Premier League


O Manchester City confirmou neste domingo (22) um incidente lamentável após o apito final da vitória diante do Aston Villa, que deu ao clube o título da Premier League. Em nota oficial, os Citizens relataram que o goleiro Robin Olsen foi agredido após o encerramento do jogo.

Segundo comunicado, Olsen 'foi agredido após o apito final da partida, quando os torcedores entraram em campo'.

“O clube abriu investigação imediata e, uma vez identificado, o indivíduo responsável receberá uma proibição indefinida do estádio”, comunicou o Manchester City.

Neste domingo (22), o time de Pep Guardiola saiu perdendo por 2 a 0 para o Aston Villa e viu o rival Liverpool, que jogava no mesmo horário contra o Wolverhampton, chegar a se animar e quase "tocar" a taça.

No entanto, os Citizens buscaram uma incrível reação, viraram para 3 a 2 e ratificaram a conquista, que acabou vindo com 1 ponto de vantagem sobre os Reds. Gündogan e Rodri foram os grandes heróis do time de Manchester, enquanto Cash e Philippe Coutinho fizeram os gols do Villa.

Essa é a 8ª vez que o City conquista a Premier League em sua história. Foi também o 4º título da liga nas últimas cinco temporadas.