<
>

Mbappé não quer trabalhar com Leonardo no PSG e indica substituto para o brasileiro na próxima temporada

Além de escolher ficar no PSG, Mbappé quer a saída do diretor esportivo Leonardo


Com a permanência de Kylian Mbappé no Paris Saint-Germain, o diretor esportivo Leonardo, pode ser substituído por Luis Camposm disseram fontes à ESPN. O francês, inclusive, teria pedido a saída do dirigente.

Mbappé assinou contrato de três anos, desprezando uma mudança amplamente esperada para o Real Madrid. Uma surpreendente mudança de opinião após meses de negociações entre os dois clubes.

Fontes disseram à ESPN que um dos pontos-chave nas discussões de Mbappé com o PSG girava em torno de Leonardo, com quem ele tem um relacionamento desconfortável.

Em uma das muitas rodadas de conversas realizadas com a hierarquia do PSG, Mbappé disse que não está interessado em trabalhar com Leonardo na próxima temporada e identificou o guru das transferências Luis Campos como uma alternativa.

Campos estava no Mônaco quando Mbappé entrou em cena e conquistou o título da Ligue 1 em 2017, além de chegar às semifinais da Champions League. Aos 57 anos, ele tem a reputação de desenterrar os melhores talentos e garantir grandes taxas de transferência para joias escondidas, com Mbappé sendo um dos muitos sucessos notáveis.

Campos ingressou no Mônaco em 2013 e, quatro anos depois, o clube conquistou seu primeiro título em 17 anos. No Lille , Campos desenvolveu e depois transferiu mais jogadores, incluindo Nicolas Pepe e Gabriel para o Arsenal, o que rendeu ao clube quase 90 milhões de libras

Campos é um agente livre depois de deixar o Lille, e fontes disseram à ESPN que Mbappé acredita que a reunificação com ele pode levar o clube adiante. Fontes acrescentaram que o futuro de Mauricio Pochettino como técnico continua indefinido, com Zinedine Zidane sendo o favorito para assumir o cargo se o argentino for demitido.