<
>

City consolida domínio com 4º título em 5 anos e faz o que só o rival United conseguiu na 'era Premier League'

Manchester City é campeão inglês pela 8ª vez na história, sendo seis na era Premier League e quatro nas mãos de Pep Guardiola


O emocionante título do Manchester City na Premier League conquistado neste domingo (22), após virada incrível sobre o Aston Villa, fez o time ampliar um domínio que o futebol inglês só viu uma vez na chamada era moderna da liga.

O time dirigido por Pep Guardiola faturou o quarto título nos últimos cinco anos. Venceu a liga em 2017/18, 2018/19, 2020/21 e 2021/22, perdendo somente em 2019/20 para o Liverpool, de Jürgen Klopp.

Só um clube na 'era Premier League', isto é, a partir de 1992/1993, alcançou tamanha supremacia no campeonato: o Manchester United, que, mesmo sem conquistar a competição desde 2012/2013, ainda é, com sobras, o maior campeão.

Sob o comando de Sir Alex Ferguson, o United venceu três das quatro primeiras edições da Premier League, em 1992/93, 1993/94, 1995/96 e 1996/97, perdendo apenas em 1994/95 para o surpreendente Blackburn.

Os Red Devils repetiram o feito anos depois ao ganharem o campeonato em 2006/07, 2007/08, 2008/09 e 2010/11. Quem impediu o inédito pentacampeonato foi o Chelsea, dirigido por Carlo Ancelotti, em 2009/10.

Agora ao lado do United nesta prateleira, o Manchester City - que antes da Premier League ganhou o Inglês duas vezes, em 1936/1937 e 1967/1968 - tem a oportunidade de fazer algo inédito na próxima temporada, quando defenderá o título e tentará ser o primeiro cinco vezes campeão no espaço de seis anos.

Para ajudar Guardiola nesta missão, o clube já recrutou Erling Haaland, atacante do Borussia Dortmund contratado por 60 milhões de euros, e mais Julian Álvarez, centroavante do River Plate. Pelo menos mais um reforço deve chegar, para o lugar do brasileiro Fernandinho, que deve retornar ao Athletico-PR.