<
>

Di María se sente 'traído' e está 'revoltado' com atitude do PSG, revela jornal; entenda o motivo

Em reta final de contrato com o clube francês, argentino não deverá permanecer no Parque dos Príncipes


Há quase oito anos no Paris Saint-Germain, Ángel Di María está em reta final de contrato com o clube francês e não deverá seguir na França.

Restando poucas semanas para o fim do contrato entre as partes, o argentino não parece estar muito feliz com o tratamento que tem recebido por parte da diretoria do clube.

De acordo com informações do diário Le Parisien, o meia-atacante não entendeu o motivo pelo qual não recebeu do PSG uma oferta de renovação de contrato por mais uma temporada, uma vez que está em forma e não tem sofrido com problemas físicos. Di María soma em 2021/22 40 partidas, com sete gols marcados e oito assistências.

Outro fator que tem tirado o sono do argentino é o tratamento frio da diretoria com a reta final de seu contrato no clube.

Há quase oito anos no Paris Saint-Germain e uma história escrita na França, o atleta esperava um maior reconhecimento por parte da instituição e também que lhe fosse oferecido uma partida de despedida, algo que não foi cogitado pelos franceses.

Di María é o jogador com mais assistências na história do clube (118), somando ainda 92 gols em 294 jogos.

Com 34 anos, Di María é tratado como um possível reforço da Juventus, da Itália. De acordo com a Gazzetta Dello Sport, o craque é apontado, ao lado de Paul Pogba, do Manchester United, e Ivan Perisic, da Inter de Milão, como nome certo a fazer parte do elenco da Velha Senhora a partir das próximas semanas.