<
>

Gian Oddi diz que Jesus 'vende a ideia de ser Guardiola', e Calçade completa: 'Em Portugal, iam rir da cara dele'

Com o início de Brasileirão ruim de Paulo Sousa, nome de Jorge Jesus voltou a ser pedido por torcedores do Flamengo nas redes sociais


O início de Brasileirão do técnico Paulo Sousa no Flamengo tem preocupado os torcedores. Por conta disso, foi iniciada uma movimentação nas redes sociais pedindo o retorno de Jorge Jesus para o clube, mostrando que mesmo longe do Rubro-Negro desde 2020, o treinador segue como figura presente nos bastidores dos cariocas.

Em meio à indefinição quanto ao futuro do Mister, o programa Linha de Passe desta última segunda-feira (16) debateu sobre o possível destino do técnico português e lembrou de seu apelo no futebol brasileiro, lembrando que volta e meia seu nome é especulado no país, sobretudo no Flamengo.

E na visão do comentarista Gian Oddi, parte da fama que Jesus possui em terras brasileiras se dá por um motivo: o treinador consegue vender a ideia de que é um Pep Guardiola.

"É impressionante como ele (Jorge Jesus) consegue vender a ideia de que é um Guardiola. Ele vai chegar em um lugar e vai fazer aquela coisa", começou por dizer Gian, lembrando da primeira passagem vitoriosa que teve pelo Flamengo, entre 2019 e 2020.

Foi então que, logo em seguida, o também comentarista Paulo Calçade emendou. "Porque ele encontrou um lugar (Brasil) que aceita isso. Se ele chegar em Portugal, vão rir da cara dele. Se ele for para a Inglaterra, ele nem passa", disse Calçade.

Em recente entrevista ao programa 'Bem, Amigos!', Jesus revelou que, assim que deixou o comando do Benfica, no fim do ano passado, recebeu um convite para assumir o Everton, da Premier League, mas que recusou 'porque está acostumado a ganhar títulos, e não jogos'. O assunto também foi abordado durante a discussão, e Calçade complementou.

"Então ele está esperando quem chamar?", concluiu.

Além de uma possível volta ao Flamengo, Jorge Jesus também teve o seu nome especulado no futebol turco, no Fenerbahçe. Porém, de acordo com o ex-zagueiro Diego Lugano, comentarista dos Canais Disney, ele conversou com o diretor mais importante do clube turco, que lhe afirmou que o treinador português 'não está nem próximo' de um acerto para a próxima temporada.

Desta forma, o futuro do técnico de 67 anos segue indefinido. Segundo o próprio, a sua intenção é definir o rumo que tomará na carreira até o próximo dia 20 de maio.