<
>

Botafogo diz que Textor irá se reunir com lideranças do futebol brasileiro por nova Liga: 'Compartilhar visões'

Liga já conta com adesão de grandes clubes, mas vários times importantes ainda não assinaram documento


O Botafogo anunciou nesta quinta-feira (12) que o dono da SAF do clube, John Textor, irá se reunir com "lideranças do futebol brasileiro de todos os grupos" para debater a constituição da nova Liga de clubes do país.

De acordo com comunicado, o norte-americano quer dar ideias e ouvir propostas, chegando a um consenso que seja "aderente às expectativas" do time de General Severiano.

"Textor pretende compartilhar suas visões, aprofundar a avaliação das propostas e buscar entendimento que melhor colabore para o futuro do futebol no país, aderente às expectativas do clube", escreveu.

Até o momento, a Libra (nome da Liga) conta com as assinaturas de Corinthians, Red Bull Bragantino, Flamengo, Palmeiras, Santos, São Paulo, Ponte Preta, Vasco e Cruzeiro.

Diversas equipes das Séries A e B, porém, ainda não assinaram os documentos, já que desejam discutir melhor as propostas da Liga.

As principais divergências, como de hábito, são na divisão dos direitos de transmissão de TV.

A vontade dos clubes que ainda não entraram na Libra é que o "bolo" seja dividido da seguinte forma: 50% igualitário, 25% por performance e 25% comercial, com parâmetros objetivos e mensurávei.

Além disso, eles querem diferença de receita menor entre os clubes que recebem mais e os que recebem menos. O alvo limite será de 1,6x - em referência à Premier League -, mas começaria com o teto de 3,5x no primeiro ano.

Por fim, desejam ainda o compromisso de que a Série B receba 20% dos recursos de venda de direitos de transmissão.

Leia a nota do Botafogo

O Botafogo informa que o acionista John Textor irá se reunir nesta semana com lideranças do futebol brasileiro, de todos os grupos, para debater sobre a constituição de Liga.

Textor pretende compartilhar suas visões, aprofundar a avaliação das propostas e buscar entendimento que melhor colabore para o futuro do futebol no país, aderente às expectativas do Clube.