<
>

Neto diz que Corinthians tem que mandar Róger Guedes embora e dá recado direto a Duílio: 'Ou toma atitude ou vai acabar com elenco'

play
Vitor Pereira: 'Quem sou eu para chegar aqui e julgar Jorge Jesus?' (2:53)

Técnico do Corinthians fala sobre polêmica entre Jorge Jesus, Paulo Sousa e Flamengo (2:53)

Camisa 9 do Corinthians 'ignorou' abraço do técnico Vítor Pereira durante vitória sobre o Red Bull Bragantino, pelo Brasileirão; atitude irritou o ex-jogador do Timão


Neste último domingo (8) o Corinthians venceu o Red Bull Bragantino por 1 a 0, no Nabi Abi Chedid, e manteve a liderança do Campeonato Brasileiro. Após a partida, uma cena chamou atenção: substituído aos 23 minutos do 2° tempo, o atacante Róger Guedes fez cara de poucos amigos e sequer olhou para o rosto do técnico Vítor Pereira após receber um abraço do português. E a atitude do camisa 9 irritou um dos ídolos da torcida corintiana.

Atualmente apresentador e comentarista, o ex-jogador Neto detonou Róger Guedes, durante o programa 'Os Donos da Bola', da TV Band, nesta segunda-feira (9). Na sua opinão, o atacante deveria ser 'mandado embora' do Timão.

"Vem esse cara (Róger Guedes) que ganha R$ 1,5 milhão por mês, que não é ídolo do Corinthians e trata Vítor Pereira como se fosse um ninguém. O VP (Vítor Pereira) fica envergonhado. Mas o VP é muito mais homem que o Róger Guedes, ele ainda abraça o Guedes", começou por dizer.

Neto ainda foi além e também mandou recado para o presidente do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, afirmando que, na sua opinião, se o mandatário não tomar alguma atitude com Róger Guedes, o atacante vai 'acabar com o elenco' corintiano.

"O Róger Guedes não pensa no Corinthians. O VP naquele momento nem deu muita importância. Mas hoje, virou assunto de todas as mídias e é nosso assunto. Ou você, Duílio, toma atitude com Róger Guedes ou ele vai acabar com elenco. Isso não aconteceu só aí. Eu não acredito que o Róger Guedes fique até o final do ano, se receber proposta vai embora. Duílio, vou te dar um conselho ao vivo: ou você mata a cobra agora ou chega para o cara, reúne com o Róger Guedes, com todo mundo e fala: 'Você não faltou respeito com o treinador, faltou respeito com o homem. Eu sou pai de família, como você faz isso comigo na frente de todo mundo? Quem te deu esse direito?", complementou.

O clima entre Róger Guedes e o técnico Vítor Pereira vem sendo assunto no Corinthians há algumas semanas. Tudo teve início após o atacante falar publicamente que gostaria de ser utilizado como ponta-direita no time, e não como centroavante. O treinador português respondeu e revelou te tido uma conversa, justificando a escolha por utilizá-lo como camisa 9.

Desde que chegou, o técnico Vítor Pereira vem promovendo um rodízio no time. Na última semana, por exemplo, Guedes sequer saiu do banco de reservas no empate em 0 a 0 com o Deportivo Cali, na Colômbia, pela fase de grupos da Conmebol Libertadores. Na partida seguinte, contra o Bragantino, o atacante não ficou os 90 minutos em campo.

Sob o comando do técnico português, o camisa 9 disputou 14 jogos, foi titular em 10 oportunidades, anotou cinco gols e deu uma assistência.