<
>

Paulo Sousa diz por que não se irrita com DM do Flamengo e elogia time em campo: 'Volume avassalador'

play
Paulo Sousa diz que confia no Departamento Médico do Flamengo e fala sobre lesões; VEJA (0:55)

Treinador concedeu entrevista coletiva após derrota do Flamengo para o Botafogo no Brasileirão (0:55)

O Flamengo perdeu por 1 a 0 para o Botafogo neste domingo (8), no Mané Garrincha, pelo Brasileirão


Mesmo com a derrota por 1 a 0 para o Botafogo no estádio Mané Garrincha, em Brasília, pela 5ª rodada do Campeonato Brasileiro, o técnico Paulo Sousa elogiou o desempenho do time rubro-negro dentro de campo.

Em entrevista coletiva após a partida, o treinador português analisou o clássico e comentou sobre a sua relação com o departamento médico do clube. Isso porque, durante o jogo, Filipe Luís sentiu dores na panturrilha e precisou ser substituído ainda no primeiro tempo.

''(Ficar) Irritado, não. Já disse aqui publicamente: temos uma relação com o departamento médico muito boa, temos muita confiança no trabalho deles. Procuramos interagir todos os dias, perceber o que podemos fazer para melhorar e ter os jogadores sempre disponíveis. Não tendo, temos mais dificuldade e instabilidades no processo, isso é óbvio. Até porque, sem a possibilidade de trabalhar, como o Botafogo teve durante a semana, conceitos, estratégias e poder aliar a participação de alguns jogadores, torna-se um agravante. No entanto, estamos confiantes de que vamos melhorar esse detalhe. A grande maioria das lesões são articulares ou lesões que não são muito normais acontecerem. Estamos tentando perceber de que forma podemos minimizar as lesões musculares'', disse o treinador.

Para Paulo Sousa, o Flamengo teve mais volume de jogo do que o Botafogo e poderia, inclusive, ter somado três pontos.

''Acho que o volume de oportunidades foi avassalador, essa é a melhor explicação. Nós tivemos as oportunidades bem claras, tivemos um volume grande, tirando os primeiros 15 minutos, em que nos precipitamos, jogamos bem rápido e não tínhamos controle de jogo. A partir dos 15 minutos, nos organizamos bem, criamos pelos corredores tanto pela direita, esquerda, quanto pelo corredor central. Fizemos gol, que foi anulado. Sobretudo, explica-se desta forma, porque tivemos várias oportunidades bem claras e poderíamos ter saído daqui com a vitória'', concluiu.

O Flamengo agora vira a chave para a Copa do Brasil. O time rubro-negro recebe o Altos-PI, na quarta (11), às 19h30, no Estádio Raulino de Oliveira.

play
0:48

Paulo Sousa diz que respeita Jorge Jesus, cita Carpegiani e afirma: 'Que tenha paz consigo mesmo'

Treinador concedeu entrevista coletiva após derrota do Flamengo para o Botafogo no Brasileirão