<
>

Ex-Santos relembra discussão com Neymar e Ganso e ameaça com tesoura: 'Mas não teve nada de agressão'

play
Copa Sul-Americana: Santos encara ex-adversário do Flamengo; argentino e equatoriano completam grupo (1:06)

La Calera-CHI, Banfield-ARG e Universidad Católica-EQU estão na chave do Santos (1:06)

Fábio Costa recordou a famosa briga com o zagueiro Fabiano Eller


Fábio Costa contou mais detalhes sobre a famosa briga no vestiário do Santos durante uma partida contra o Marília, válida pelo Campeonato Paulista de 2009.

Após uma discussão com Neymar e Ganso, o ex-goleiro teve um entrevero com o zagueiro Fabiano Eller e chegou a pegar uma tesoura. No entanto, ele negou que tenha agredido o ex-companheiro de time.

"Foi um bate-boca de jogo. Na verdade, o bate-boca não era nem com o Fabiano, ele inclusive é meu amigo. Foi uma discussão justamente com o Neymar e com o Ganso, discussão por cobranças de jogo, que corressem, se aplicassem, se dedicassem melhor para o grupo. E nessa discussão acalorada no intervalo, o Fabiano tomou a frente, a gente acabou discutindo e a primeira coisa que vi na frente foi uma tesoura. Peguei, mas não teve nada de agressão não", disse ao programa "Arena SBT".

Apesar da fama de ser esquentado, Fábio disse que bateu em Neymar ou em qualquer outro colega de equipe.

"É discussão normal de treino, essas coisas acontecem. Acredito que a gente teria discutido um pouco mais, as pessoas separariam, cada um iria para o seu lado, o Neymar seguiria a carreira dele, eu a minha. A ideia é que nunca haja esse tipo de situação (briga física), mas a discussão faz parte do treinamento. Não (nunca bati em jogador do mesmo time), já tivemos discussões", disse.

Revelado no Vitória, Fábio Costa teve passagens vitoriosas por Santos e Corinthians.